Português Italian English Spanish

Unidades do Incra em Rondonópolis e São Félix do Araguaia são fechadas

Unidades do Incra em Rondonópolis e São Félix do Araguaia são fechadas


Os serviços oferecidos por essas unidades do Incra serão transferidos para outras sedes do órgão.

Duas unidades do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de Rondonópolis e São Félix do Araguaia foram fechadas. A superintendência do órgão, em Mato Grosso, informou que essas unidades foram desativadas para otimizar a estrutura operacional.

Os móveis do Incra de Rondonópolis já foram retirados na manhã desta quinta-feira. Os serviços oferecidos por essas unidades do Incra serão transferidos para outras sedes do órgão.

Com isso, cerca de 5.800 famílias em assentamentos de 11 municípios do sudeste do estado passam a ser atendidas somente na capital.

Representantes da Pastoral da Terra, ligada aos trabalhadores rurais e pequenos produtores, avaliam que a mudança pode prejudicar as pessoas que precisam do atendimento do Incra.

O Incra é responsável pelos processos de reforma agrária e administra o Cadastro Nacional de Imóveis rurais.

Além disso, o órgão identifica e demarca terras destinadas a assentamentos e comunidades quilombolas.

Segundo o documento do superintendente do Incra em Mato Grosso, além da unidade de Rondonópolis, a sede de São Félix do Araguaia no norte do estado também será fechada, e incorporada a unidade de Confresa.

Em 2019 houve uma tentativa de fechar a unidade de Rondonópolis. Na época a classe política e trabalhadores rurais se uniram contra o fechamento e a sede manteve as portas abertas. A unidade existia desde 2017.

Com o fechamento, as pessoas que antes procuravam a unidade de São Félix do Araguaia terão que ir até a sede de Confresa.

 

 

Por TV Centro América

  4 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

Quem tem juízo foge dessa cidade. É um faroeste caboclo.

Vamos esperar a próxima rodada, cadeia pública de São Félix do Araguaia dias contados ??

O que esperar de um executivo municipal que tá querendo transformar o município em floresta, sedento em dinheiro não rubricado e onde o marido da prefeita quer aparecer mais que a própria chefe do executivo, mas sem qualificação nenhuma para assumir tal função...Parabéns aos eleitores que defenderem, fizeram carreata, pegadmrsm dinheiro, vestiram laranja, brigaram na rua e nos grupos sociais, que ajudaram a comprar uma eleição... Vocês são mais culpados do que quem tá sentado na cadeira.Vocês foram perfeitos em reconduzir está pessoa ao poder novamente.Essa vai ser a primeira de muitas instituições que irão embora, aí a prefeita pede emprestado os funcionários efetivos que já se enraizaram na cidade e retrocede ainda mais no progresso.Mas o slogam é pertinente:O progresso continu

Quem sair por último que desligue a luz, uma prefeitura sem força política, só que está em fotos de rede social enquanto sua cidade vai se derretendo, acorda população

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS