Português Italian English Spanish

Governadores vão ao STF para derrubar projeto de Emanuelzinho, aprovado pela Câmara

Governadores vão ao STF para derrubar projeto de Emanuelzinho, aprovado pela Câmara


Os governadores estão na bronca com a Câmara Federal, que aprovou projeto do deputado mato-grossense, Emanuelzinho (MDB), que fixa o valor do ICMS com base na média de preços dos combustíveis dos últimos dois anos.

Hoje o valor é calculado com base no preço de referência e, como a Petrobras vem impondo sucessivos aumentos, o consumidor final paga caro demais pelo litro da gasolina, do etanol e do botijão de GLP. Em MT o valor do ICMS cobrado sobre a gasolina, por exemplo, é de 25%. Pela proposta, os preços podem cair até 8% para o consumidor. 

A proposta do parlamentar cuiabano foi aprovada em sessão noturna desta quarta (13) e, agora, deve passar no Senado. Revoltados, os governadores já articulam a derrubada da proposta no STF. O argumento dos governadores é de que não cabe ao Congresso definir valores de ICMS e sim aos estados. 

 

 

DA REDAÇÃO

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS