Português Italian English Spanish

Mulher é estuprada em curral na frente da filha em assalto violento

Mulher é estuprada em curral na frente da filha em assalto violento


A polícia conseguiu prender 5 homens suspeitos de cometer o crime em São Pedro da Cipa

Mãe e filha, de 12 anos,  passaram por momentos de terror, ontem (26), em uma propriedade rural em São Pedro da Cipa (a 151 km de Cuiabá). A adolescente, além de sofrer uma tentativa de estupro, foi obrigada a assistir a mãe, de 30, com uma arma apontada para a cabeça, ser violentada dentro de um curral, nas proximidades da MT-472.

A Polícia Militar conseguiu prender em flagrante cinco suspeitos do crime. Eles foram identificados como Cleis Lenison Rosa Amorim, 20, Rodrigo Souza Gomes, 28, Lucas Santana Lima, 28, Jellison Madureira de Oliveira, 26, e Adevail Olímpio Santana, 49. 

De acordo com informações, a Polícia Militar foi informada que na região do garimpo uma propriedade rural foi invadida e que a quadrilha havia roubado mais de 21 cabeças de gados. A testemunha relatou que os suspeitos estavam fortemente armados. 

Diante das informações, guarnições se deslocaram para o local e fecharam o cerco. Minutos depois,  flagraram uma caminhonete usada no crime. Durante a abordagem, a PM  encontrou duas espingardas, um revolver calibre 32 e um simulacro de pistola.

Durante a abordagem, eles confirmaram que participaram do crime. Contaram ainda que havia mais dois comparsas, vindo em um caminhão mercedes roxo. A guarnição localizou o veículo próximo a uma pamonharia na região do Distrito de Placa Santo Antônio. Lá também estava um Corsa prata usado pelos suspeitos. Dentro do veículo de carga estavam 26 cabeças de gado que haviam sido roubadas.

Estupro ilustra��o

Os suspeitos também confessaram participação no assalto. Relataram ainda que os bois seriam descarregados na Estância Santana, no Distrito de Fátima de São Lourenço. Em outro carro, localizado pela PM, havia mais 21 cabeças de gados que já estavam na estância. A PM confirmou que os animais também tinham a marca da fazenda invadida. No local também foram encontradas mais armas. 

Segundo o registro policial, enquanto os militares recuperavam a carga e prendiam suspeitos, uma outra guarnição soltava as vítimas que estavam em cárcere privado. Elas contaram que, ainda pela manhã, um dos suspeitos invadiu o local pelo pasto, rendeu as vítimas e, em seguida, os outros entraram ao local. 

Ainda segundo as mulheres, durante as horas de horror, o suspeito Jellison Madureira levou a vítima de 12 anos, junto com a mãe, de 30, para o curral do local. Lá, ele colocou uma arma na cabeça da mulher, a obrigou a tirar a roupa e em seguida a estuprou na frente da menina. A vítima ainda confidenciou que antes de ser violentada, ele tinha tentado abusar da segunda filha dela que chegou momentos depois do roubo ter começado, mas não conseguiu.

Para intimidar as vítimas os suspeitos ainda saíram atirando pela propriedade. O caso foi registrado como roubo; formacão de quadrilha; estupro; porte ilegal de arma de fogo; desobediência à decisão judicial; receptação; e cárcere privado. A quadrilha foi encaminhada à Central de Flagrantes.

 

 

Bárbara Sá

  Seja o primeiro a comentar!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Envie seu comentário preenchendo os campos abaixo

Nome
E-mail
Localização
Comentário

Banner Superior Esquerda

Banner Central Esquerda

Banner Inferior Esquerda

 

 
 

 

 

COLUNAS E OPINIÃO

Blog do Samy Dana

Colunista O Repórter do Araguaia

Gerson Camarotti

Colunista O Repórter do Araguaia

 

VÍDEOS

 

Acesse nosso Canal no Youtube

 

NOSSOS PARCEIROS