01/02/2016 - MP analisa se atende pedido de Taques e cede promotora de VG para ser adjunta na Sema

01/02/2016 - MP analisa se atende pedido de Taques e cede promotora de VG para ser adjunta na Sema

Na meta ousada de ‘desmatamento zero’ até 2020, o governador José Pedro Taques (PSDB) solicitou a liberação pelo Ministério Público de Mato Grosso, da promotora de Justiça Maria Fernanda Corrêa da Costa. Ela vai assumir a Secretaria Executiva de Meio Ambiente de Mato Grosso, para formar dobradinha com a titular da pasta, promotora Ana Luíza Ávila Peterlini.

A solicitação será submetida ao Conselho Superior do Ministério Público, que se reúne nesta segunda-feira (1), a quem cabe a decisão de formalizar a disponibilidade da promotora de Justiça para ocupar o cargo no Poder Executivo. Até dezembro do ano passado, além de Ana Peterlini, o MPE também contribuía com o promotor Mauro Zaque Jesus, então titular da Secretaria de Estado de Segurança Pública.

José Pedro Taques protocolizou o ofício durante encontro com o procurador-geral de Justiça, Paulo Prado. “É importante contar com a promotora Maria Fernanda Correa da Costa, porque os estados têm até 2030 para zerar o desmatamento, mas Mato Grosso se comprometeu durante a COP21, na França, em concluir até 2020”, ponderou Taques, para a reportagem do Olhar Direto, à saída da sede do MPE.
 
“É uma honra que membros do MP possam contribuir com a melhoria da qualidade de vida das pessoas. A autorização de cessão para o Poder Executivo é uma prerrogativa do Conselho Superior, composto por 11 procuradores”, justificou Paulo Prado, ao lado de Taques.
 
Maria Fernanda atua na Promotoria de Justiça de Defesa Ambiental e Ordem Urbanística de Várzea Grande. Caso seja confirmada a nomeação de Maria Fernanda, ela será a segunda integrante do MPE de Mato Grosso a compor o staff na SEMA, já que a titular Ana Luiza Ávila Peterlini, também é promotora.
 
Oriundo do Ministério Público Federal, Pedro Taques valoriza quadros do órgãos. Após a saida de Mauro Zaque,  a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) está sob o comando do promotor Fábio Galindo Silvestre, do MPE de Minas Gerais. 

 

 

 

Da Reportagem Local - Ronaldo Pacheco

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário