02/12/2014 - Morte de professora Judith deixa são-félixcenses enlutados

02/12/2014 - Morte de professora Judith deixa são-félixcenses enlutados

Mais um dia triste deixa abalada a população de São Félix do Araguaia/MT. Morreu na madrugada desta segunda-feira, 01, a professora Judith Ferreira Souza pastora e esposa do pastorIsaque Pereira da Costa da Primeira Igreja Batista de São Félix do Araguaia - MT. A notícia da morte da professora Judith, chocou os são-félixcenses. Os amigos e familiares usaram o Facebook dela para deixar centenas de mensagens.

 

Segundo informações de amigos e alunos da professora Judith estava internada com complicações cardíacas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de Barra do Garças, e não resistiu às complicações, vindo a falecer. Judith era professora da rede estadual de ensino.

 

A professora era uma pessoa querida, dedicada, de grande coração, uma perca para a sociedade são-félixcenses destacando também a comunidade evangélica. As escolas da cidade de São Félix do Araguaia decretaram luto ao tempo que prestou e dedicou parte da sua imensa sabedoria alunos do município.

 

Deus conforte coração da família e amigos que estão sofrendo com a perda da eterna educadora e pastora Judith, pois foi uma mãe dedicada, e amiga, que o Senhor dê entendimento e sabedoria para que aceitam tuas decisões, aliviando os sofrimento, dos que amam.

 

O corpo já está a caminho de São Félix do Araguaia em breve conformaremos o local do velório e o horário de sepultamento.

 

Judith deixa o esposo e dois filhos Athos e Sarah Maressa

 

“Ensinar é um exercício de imortalidade. De alguma forma continuamos a viver naqueles cujos olhos aprenderam a ver o mundo pela magia da nossa palavra. O mestre nasce da exuberância da felicidade. E, por isso mesmo, quando perguntados sobre a sua profissão, os professores deveriam ter coragem para dar a absurda resposta: “Sou um pastor da alegria...” Mas, e claro, somente os seus alunos poderão atestar da verdade da sua declaração. O professor, assim, não morre jamais”

 

Rubem Alves

 

 

Vanessa Lima/O Repórter do Araguaia

 

Comentários

Data: 03/12/2014

De:

Assunto: solidariedade.

Gostaria de dizer com muita tristeza no coração que perdemos uma grande companheira de trabalho. Foi uma perda tanto pra seus colegas quanto para esposo , filhos e também a igreja que na qual congregava.Sabemos que todas as escolas se sensibilizaram com esta desagradável surpresa, até mesmo as escolas particulares fecharam as portas nesse dia tão triste.infelizmente a nossa Secretária Terezinha Gomes se sente imortal não liberando os professores das Creches para o velório de uma também profissional da Educação.Talvez não fez isso por não ser do município e sim do estado.

Data: 03/12/2014

De:

Assunto: Re:solidariedade.

Éh, ela não era Professora Municipal mais era uma profissional que terminou seu dias de vida trabalhando para o município, acho que a secretária deveria ter pelo menos um pouquinho de sentimentos e pensar que um dia ela também vai morrer.Tem filhos e tem pai e mãe.

Data: 03/12/2014

De:

Assunto: Re:Re:solidariedade.

Talvez ela é imortal kkkkkkk

Data: 04/12/2014

De: são felixense

Assunto: Re:Re:Re:solidariedade.

Imortal!!!!! talvez seja assim que ela se sinta, porque pelo ar de superioridade que ela ostenta só pode ser isso!!!!
Amigos, senhora secretária, é o melhor tesouro que alguém pode almejar... E verdadeiros amigos só se conquista com humildade e solidariedade!!!!Nenhum lugar é mais propício para mostrar atitudes de solidariedade como um momento como esse que a família da professora está enfrentando...

Data: 04/12/2014

De: descontentamento

Assunto: Re:Re:Re:Re:solidariedade.

É gente todo a região deu luto, em homenagem a essa querida pessoa e admirável profissional, mas a digníssima senhora secretária não o fez, porque se acha superiora e que não depende de ninguém... é autossuficiente e que os profissionais da rede municipal são seus empregados particulares e que só podem fazer o que ela determina!!!! Senhora secretária, os anos passam e vc que se achava bem mais que o contador está provando que nem chega aos pés!!!!!

Data: 04/12/2014

De: de olho!!!

Assunto: Re:Re:Re:solidariedade.

Ou apenas pense que seja!!!! E isso já é o suficiente para pessoas assim, ostentarem seu poder!!!!
Como morre um, também morre o outro... é assim que somos alertados cotidianamente... então para que o orgulho????
Imortal só Deus!!!! Todos nós precisamos de sermos solidários para um dia receber solidariedade!!! Pense nisso senhora secretária....

Data: 04/12/2014

De: cidadã descontente

Assunto: Re:Re:solidariedade.

Gente eu fui lá na escolinha na beira do rio levar minha filha mas eu tinha certeza de que ia voltar com ela pois tudo na cidade que era ligado à educação estava de luto, inclusive até as cidades vizinhas, em homenagem à professora. quando cheguei lá tudo funcionando, perguntei porque e me disseram que a secretária não decretou luto. Achei um absurdo... ela que sempre bateu no peito dizendo que quem tinha de ocupar aquele cargo era uma professora e não um contador, agora desrespeita sua própria classe. Vai entender...

Data: 04/12/2014

De: Revoltado do Bairro Alagável

Assunto: Re:solidariedade.

Pior é a Vanessa, que adiou a festa pela morte da Karlinha e não fez o mesmo pela morte da Professora Judite.
Será que é pelo fato da Professora Judite não ser filha de vereador ?
Não tem nem 07 dias da morte e já vai rolar a festa...
A ganância falou mais alto né Vanessa ?

Data: 04/12/2014

De: professora rede estadual

Assunto: Re:solidariedade.

Ola pessoal, a Judite deixou saudades... como já dito nossa categoria infelizmente perdeu uma mulher de luta e de fé... ela embora fosse profissional da rede estadual como eu, ela prestava serviço ao município, já que trabalhava num centro de formação de professores. Além do que, todos somos professores, independente da Rede que atuamos, todas somos profissionais e todos desejamos que seja permitidos oferecermos uma ultima homenagem a uma querida amiga. Mas o município de São Félix, sua rede municipal não permitiu isso a seus profissionais da Educação.Mesmo com toda a Região em luto, esses profissionais continuaram seu trabalho, pensando na amiga mas tinha um dever a cumprir já que a secretária não lhes permitiram um ato de solidariedade. Alerta!!!! O fôlego de cada um foi dado e pode ser cobrado de volta a qualquer momento!!!! Não é hora para superioridades, somos mero po nada mais que isso!!!!

Data: 03/12/2014

De:

Assunto:

1 | 2 | 3 >>

Novo comentário