02/03/2015 - Polícia Civil prente integrantes de quadrilha de roubo e tráfico de drogas em Sinop

02/03/2015 - Polícia Civil prente integrantes de quadrilha de roubo e tráfico de drogas em Sinop

Uma quadrilha acusada de envolvimento em crimes de roubo e tráfico de drogas foi desarticulada pela Polícia Judiciária Civil, na sexta-feira (27.02), em Sinop. Na ação, cinco pessoas, entre elas dois menores, foram autuadas em flagrante pelos crimes de roubo, tráfico de drogas, associação para o tráfico e formação de quadrilha. Os três maiores de idade responderão ainda pelo crime de corrupção de menores.

Os acusados Awando da Silva Quintino, 18, Jean Maich Rodrigues Barbosa, 19, Wellington Afonso Gomes, 24 e os menores W. B. S. L., 16 e S. S. L., 16, foram flagrados com drogas euma motocicleta roubada .

Em diligências no local, policiais encontraram o portão aberto e movimentação dos suspeitos, que estavam embalando drogas e falando sobre o destino do entorpecente. Policiais entraram na casa e em buscas, localizaram 04 porções de maconha, uma balança de precisão, apetrechos utilizados para embalo da droga, uma pistola de pressão e uma motocicleta roubada, além de uma jaqueta de moletom preta e branca e posteriormente foi reconhecida pela vítima do roubo como a utilizada pelo autor do crime.

Todos que estavam na casa foram conduzidos a Delegacia de Sinop e autuados em flagrante pelos crimes de roubo, tráfico de drogas, associação para o tráfico e formação de quadrilha. O suspeito do roubo, reconhecido pela vítima assumiu que praticou o crime junto com os demais comparsas.

Participaram da ação, os policiais Ricardo Rosa, João Paulo e Flademir, coordenados pelo delegado Sérgio Ribeiro Araújo.

A ação integra a operação “Actio Auctoritatis” da Polícia Judiciária Civil, que visa o cumprimento de mandados de prisão e fortalecer investigações de tráfico de drogas e roubos. O trabalho está inserido no planejamento operacional da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) para os 100 primeiros dias de combate a criminalidade do ano de 2015.

 

 

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário