02/04/2013 - Empresário se apresenta à polícia e confessa ter cometido estupro contra sobrinha de sete anos

Se apresentou na segunda-feira (1º) para prestar depoimento na delegacia de Lucas do Rio Verde o empresário e advogado suspeito de ter estuprado a sobrinha de apenas sete anos por três vezes. O nome do homem não foi divulgado.

O acusado confessou ao delegado Marcelo Torhacs que, ao permanecer com a criança, não teve condições de se controlar mesmo sabendo da gravidade da conduta a que se prestara a praticar. O acusado revelou ainda que praticou os atos libidinosos contra a sobrinha por pelo menos quatro vezes. 

De acordo com o que foi informado pelo site CenárioMT, o homem está detido a disposição do Ministério Público e do Juiz Criminal que decidirá o futuro do empresário, se ele permanecerá preso ou irá responder em liberdade. 

“Essa prisão temporária segue por 30 dias e segundo a ótica da Policia Civil, a prisão dele se mostra necessária. Nós acreditamos que não há razão ou argumentos plausíveis para soltá-lo nesse momento a não ser entendimento adverso da Promotoria de Justiça e do Poder Judiciário”, argumento o delegado Marcelo Torhacs.

Segundo informações da delegacia de Lucas do Rio Verde, o advogado admitiu a prática dos fatos, onde praticou atos libidinosos, inclusive rompendo o hímen da criança.

Ainda na semana passada, ao saber que seria preso, o homem fugiu da cidade e vinha sendo procurado pela polícia civil. Ele permaneceu durante esse período em uma cidade no interior do Rio Grande do Sul.

 

Da Redação - Max Aguiar

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário