02/04/2014 - Vice-prefeito quer saber como prefeito de Santana do Araguaia gastou 33 diárias em um mês

O município de Santana do Araguaia, com mais de 60 mil habitantes e localizado na divisa do Pará com Mato Grosso, é um dos mais promissores locais das famosas ultimas fronteiras agrícolas do Brasil, porem na ultima semana uma série de denúncias balançou o setor político local.

As denuncias poderiam parecer intriga da oposição, se não fossem feitas e protocoladas pelo vice-prefeito do município, José Rodrigues de Miranda 'Zé do Quincas' e tendo como alvo das denuncias o prefeito Eduardo Alves Conti, o Eduardo da Machado.

Segundo Zé do Quincas, desde outubro de 2013, mês em que ele entregou a Secretaria Municipal de Transporte de Santana do Araguaia, ele tem feito juntamente com a Vereadora Aparecida e alguns outros companheiros, um levantamento da situação fiscal e de prestação de contas do município de Santana do Araguaia.

O levantamento segundo 'Zé do Quincas' é para verificar possíveis fraudes do atual governo municipal, segundo o vice prefeito “primeiramente protocolamos, na Prefeitura Municipal, oficio de solicitação dos processos licitatórios realizados pela prefeitura municipal e cópia de outros documentos fiscais do exercício 2013, mas não fomos atendidos”.

De acordo com o vice-prefeito, o segundo passo foi procurar o Ministério Público de Santana do Araguaia e o Ministério Publico Estadual, onde também protocolamos, no dia 18 de novembro de 2013, solicitação de cópia desses documentos e pedimos que alguma providência fosse tomada para garantir nosso direito de fiscalização da coisa pública.

'Zé do Quincas' disse que depois de aguardarmos resposta deste Ministério Público, porém sem êxito, decidimos procurar o Tribunal de Contas dos Municípios em Belém onde tivemos acesso a alguns balancetes da prestação de contas de Santana do Araguaia. De posse desses documentos pudemos detectar de imediato vários indícios de irregularidades e fraudes desta Gestão, e no dia 18 de fevereiro protocolamos DENÚNCIA ao TCM e ao Ministério Publico Federal.

O vice-prefeito afirmou ao Jornal da Noticia, que “Temos convicção de que a função de fiscalizar o executivo é da Câmara de Vereadores” por isso no dia 27 de março de 2014 o Sr. Djalma Moreira de Souza, que é Presidente do PRP de Santana do Araguaia e integra nossa equipe, protocolou DENÚNCIA à Câmara Municipal em desfavor do Prefeito Eduardo Alves Conti.

Dentre as possíveis fraudes, ele disse que “podemos citar como exemplo um gasto de R$ 2.312,820,00 (dois milhões, trezentos e doze mil, oitocentos e vinte reais) com locação de veículo e horas de máquinas, apenas nos últimos 120 dias de 2013. Porém não detectamos a execução desses serviços.

Outro fato muito curioso, e dificl de entender segundo ‘Zé do Quincas’ foram "as 33 diárias utilizadas pelo prefeito da cidade em apenas um mês,” isso mesmo, em outubro de 2013, o Prefeito de Santana do Araguaia recebeu R$ 18.750,00 referentes a 33 diárias para custear despesas em viagens a Redenção, Belém e Brasília”.

O vice prefeito ainda disse que “a Constituição Federal, a Lei Orgânica do Município de Santana do Araguaia e a Lei Federal nº 12.527/2011 garantem o direito de acesso às informações públicas, não somente ao Vereador, mas de qualquer cidadão”.

“O município de Santana do Araguaia tem perdido muito com a má gestão pública e com os políticos corruptos que tem passado pela Prefeitura Municipal nos últimos anos, e parece que o atual governo não tem sido diferente. Não podemos concordar e ser coniventes com os desmandos, as fraudes e as irregularidades que os maus gestores têm praticado, estamos exercendo o nosso dever de fiscalização e vamos até as ultimas instâncias para garantir os direitos da população santanense” finalizou 'Zé do Quincas'.

Comentários

Data: 03/04/2014

De: evangelito dias cunha

Assunto: corrupçao

este e o salvador esse corrupto ta pior de que o alegria e a educaçao com esse deusino ta um caus tem que coloca os dois fora

Novo comentário