02/06/2015 - Projeto socioambiental investe em produção de sementes crioulas no Norte Araguaia

02/06/2015 - Projeto socioambiental investe em produção de sementes crioulas no Norte Araguaia

Agricultores da região do Vale do Araguaia em Mato Grosso poderão contar com sementes crioulas produzidas pelo Projeto Interagir. Isso será possível graças ao patrocínio da Petrobras através do Programa Petrobras Socioambiental.

As sementes crioulas são resultado da melhoria genética por seleção natural realizada ao longo dos anos pelas famílias dos agricultores. Em breve os agricultores da região de Santa Terezinha terão acesso a sementes de milho, arroz e feijão.

Além de representar um contexto histórico e cultural, a imensa diversidade genética que as famílias de agricultores tradicionais mantiveram ao longo da história contribuem com a biodiversidade dos sistemas de produção, uma vez que sua minuciosa seleção faz com que as sementes se adaptem ao ambiente e não necessitem de agrotóxicos e insumos.

Para buscar a independência da distribuição de agrotóxicos ou de sementes, o Projeto Interagir tem investido na construção de um banco de sementes. Para isso foi utilizado o espaço de 1 hectare para plantações com o intuito de aumentar a quantidade de sementes disponíveis. Ano passado apenas milho foi plantado, já esse ano a produção diversificou e agora estão sendo plantados arroz e feijão, que já estão sendo colhidos. O arroz foi o cereal que teve a maior produção neste ano, aproximadamente 200kg, conforme informou Xakoiapari Tapirapé, presidente da Associação APINUT, responsável pelo projeto.

Agricultores receberão as sementes crioulas para que a produção cresça, uma vez que a diversidade das sementes também é garantida através da troca e parcerias que os agricultores realizam entre si.

Atualmente a prática de plantio com sementes crioulas vêm sendo ameaçada com o crescimento das sementes transgênicas, que são aquelas que tiveram genes estranhos inseridos em seu código genético. Os transgênicos são patenteados pelas empresas que as desenvolvem e quando o agricultor compra essas sementes ele não pode replantá-las, comercializá-las, trocá-las ou passá-las adiante. Isso contribui para a monopolização do acesso às sementes e o agricultor familiar acaba perdendo o seu espaço nesse meio.

O Projeto Interagir

O Projeto Interagir patrocinado pela Petrobras através do Programa Petrobras Socioambiental, tem unido o conhecimento de indígenas e não-indígenas na produção de alimentos agroecológicos e na recuperação de áreas degradadas na região do Araguaia, em Mato Grosso.

 

 

Projeto Interagir

Santa Terezinha

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário