02/08/2011 - 08h:00 Kassab: PSD-MT já nasce como um dos maiores do País

Centenas de pessoas lotam Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) durante o ato público de lançamento do PSD em Mato Grosso. O presidente nacional do Partido, prefeito de São Paulo Gilberto Kassab (DEM),chegou ao evento acompanhado do deputado estadual José Riva (PP), e do senador Sérgio Petecão (PMN-AC). Seguro de que os novos filiados não sofrerão nenhum tipo de punição por infidelidade partidária e poderão disputar as eleições no ano que vem, Kassab já adota um discurso de quem irá ditar o rítmo das eleições 2012.

"Chegando a Cuiabá, o PSD, hoje, que veio trazer um abraço de todos os companheiros do Brasil, a uma Regional que desde o primeiro instante mostrou que nasce forte e que irá contribuir com propostas, e hoje realiza seu primeiro encontro regional. Um partido que nasceu na Bahia, depois chegou a Minas Gerais, Tocantis e por todo Brasil. O PSD nos práximos dias estará fazendo convenção regional em 24 estados do País. Nos práximos dias estará rebecendo seu registro definitivo em nível nacional. Com muita presença iremos disputar as eleições no ano que vem para as Prefeitiuras e Câmaras Municipais, com bons quadros e boas propostas", disse.

O presidente afirma que Mato Grosso já se destaca em relação aos outros estados onde o PSD vem sendo implantado. "Desde que foi aqui implantado, seu primeiro núcleo tenho recebido informações quase que diariamente do seu presidente, deputado estadual José Riva, e tenho que dizer a vocês que todos nós de todo Brasil estamos muito felizes com a consolidação do partido aqui em Mato Grosso, que em pouco tempo se tornou um dos principais diretórios do País", discursou.

De acordo com Kassab, a sigla nasce com segurança jurídica total para seus filiados. "A gente procura entender isso (a chama lei anti-PSD) como um instrumento que os adversários usam para para intimidar a vinda de novos companheiros, o que eu vejo como um equívoco, porque a democracia brasileira, a nossa legislação, prevê a criação de novos partidos e a transferência de parlamentares para esse novo partido, que é o que acontece no PSD", explicou.

Para Kassab não há o que se questionar quanto à legalidade da sigla e essa 'segurança' tem sido um dos principais chamarizes para que a agremiação ganhe novos membros. "Essa á razão de termos hoje quase 50 deputados federais, centenas de deputados estaduais e de prefeitos, dois senadores, seis vice governadores, dois governadores, e de estarmos preparados para disputar as eleições do ano que vem podendo eleger centenas de prefeitos, milhares de vereadores em todo Brasil", disparou.

Com relação à polêmica sobre assinaturas falsas e de leitores 'mortos' que apareceram nas listas de criação do partido, Kassab disse que qualquer partido criado no país passou por esse mesmo processo. "As listas são colhidas, são listas de apoiamente e como elas chegam no partido em milhares, cabe à Justiça eleitoral certifica-las, isolando aquelas que evidentemente não conferem com a assinatura", refutou.

O presidente regional do PSD em Mato Grosso, deputado José Riva (PP) afirmou que a vinda do presidente Nacionaldo PSD a Cuiabá é para consilidar o trabalho que vem sendo feito com várias lideranças. "Já temos 47 prefeitos, mais de 300 vereadores, e muitos empresários que poderão contribuir muito com a democracia brasileira", finalizou.

 

Da Redação - Laura Petraglia

Foto: Lucas Bólico - OD

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário

OS COMENTÁRIOS É DE TOTAL RESPONSABILIDADE DOS INTERNAUTAS QUE O INSERIR. O REPÓRTER DO ARAGUAIA ONLINE RESERVA-SE O DIREITO DE NÃO PUBLICAR MENSAGENS COM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO, PUBLICIDADE, CALÚNIA, INJÚRIA, DIFAMAÇÃO OU QUALQUER CONDUTA QUE POSSA SER CONSIDERADA CRIMINOSA. OS COMENTÁRIOS QUE CONTER NOS ITENS CITADOS ACIMA SERÃO EXCLUÍDOS. TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO ARQUIVADOS ATRAVÉS DO IP E SERVIRÃO DE PROVAS CONTRA AQUELE QUE USAR ESTE MEIO DE COMUNICAÇÃO.