02/10/2015 - Bancários aprovam greve a partir da próxima terça

Os bancários decidiram em assembleia realizada na noite desta quinta-feira (1º) rejeitar a proposta encaminhada pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e iniciar uma greve por tempo indeterminado a partir da próxima terça-feira (6).

O presidente do Sindicato dos Bancários de Mato Grosso (Seeb), José Guerra, afirma que esta é a pior proposta feita nos últimos anos. “Os bancos agiram de forma desrespeitosa com os servidores e a população ao apresentar uma proposta com 5,5% de reajuste e R$ 2,5 mil de abono salarial”.

A categoria pede reajuste salarial de 16%, piso de R$ 3,2 mil e vales alimentação/refeição, 13ª cesta e auxílio-creche/babá: R$ 788 ao mês para os bancários.

Em contrapartida, a Fenaban oferece reajuste de 5,5%, piso portaria após 90 dias - R$ 1,3 mil, escritório após 90 dias - R$ 1,8 mil e caixa/tesouraria após 90 dias - R$ 2,5 mil. 
 

 

Jéssica Moreira, repórter do GD

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário