03/10/2015 - “Vamos deixar a crise para os discursos de Brasília”, diz Taques

“Sou sou daqueles que, antes de pensar na crise, pensa em desenvolvimento. O desenvolvimento traz renda, traz dignidade ao cidadão. Vamos deixar a crise para os discursos de Brasília. Aqui, estamos buscando soluções”.

 

A declaração é do governador Pedro Taques (PSDB), que, na noite da última quinta-feira (1), lançou a Feira Internacional de Turismo do Pantanal (FIT), que será realizada, em Cuiabá, a partir do próximo ano.

 

Segundo ele, a ideia da FIT é divulgar as potencialidades turísticas de Mato Grosso e apresentar ao mundo uma visão de desenvolvimento sustentável, promovendo as regiões do Pantanal, Cerrado, Amazônia e Araguaia.

“Nós acreditamos no setor de turismo. A indústria que mais cresce no mundo é a turística. É a indústria que não polui e que, em um momento em que falam de crise, ela irá movimentar a economia e gerar empregos em Mato Grosso”, afirmou Taques.

 

O governador disse que o evento, de certo forma, irá possibilitar a ocupação de espaços deixados pela Copa do Mundo de 2014, da qual  Cuiabá foi uma das sedes.

 

“Temos. aqui, uma série de hotéis construídos em razão da Copa e que precisam ter uma ocupação média maior da que existe hoje. Daí, o turismo se faz presente”, afirmou.

 

“Muitos aqui vieram durante a Copa. Foram seis mil chilenos, por exemplo. Eles ficaram aqui dois ou três dias e foram embora. Eles levaram daqu o conhecimento da nossa cultura, da gastronomia, das atrações que aqui nós temos, e isso vai espalhando. É igual fofoca, igual ao WhatsApp”, brincou Taques, ao afirmar que  a FIT é uma das ferramentas para ampliar a divulgação das potencialidades turísticas e culturais de Mato Grosso.

 

Centro de Convenções

 

Ainda segundo Taques, a Feira Internacional do Pantanal – que volta a ser realizada após oito anos de paralisação – tem como objetivo transformar toda a região do Vale do Rio Cuiabá em um centro de congressos e convenções.

 

“Aqui em Mato Grosso, temos muitas potencialidades. A ideia é transformar Cuiabá e o Vale do Rio Cuiabá em um centro de Congresso de Convenções. As pessoas virão prá cá e trarão seus familiares para aproveitar um turismo mais próximo da Capital, como Nobres, Chapada dos Guimarães, por exemplo. O turismo de negócios também deixa muito dinheiro no Estado”, disse.

 

Feira

 

A FIT será promovida pelo Sindicato das Empresas de Turismo de Mato Grosso (Sindetur) e o Governo do Estado, por meio da secretaria de Desenvolvimento Econômico.

 

O evento será realizado em Cuiabá no período de 20 a 24 de abril de 2016, no Centro de Eventos do Pantanal.

 

Por meio desse evento, o Governo pretende buscar a integração com os estados da Amazônia Legal e da região Centro-Oeste, abrindo novos corredores turísticos com produtos e oportunidades, além da integração com a região do Mercosul.

 

 

 

Camila Ribeiro

 Da Redação