04/04/2012 - Casa pega fogo e filho de advogado morre eletrocutado

Um possível curto circuito na instalação desencadeou um incêndio dentro do banheiro que acabou vitimando João Guilherme Rodrigues, 18 anos, filho do advogado João Rodrigues, que faleceu eletrocutado, em Barra do Garças (509 km de Cuiabá). 

Ao perceberam a fumaça na residência alguns vizinhos imediatamente acionaram o Corpo de Bombeiros. Para entrar na residência foi preciso arrombar a porta. O incêndio aconteceu por volta das 19 horas de terça-feira (3). 

Os bombeiros encontraram o adolescente dentro do banheiro em meio às chamas. João Guilherme já estava sem vida. A polícia foi acionada para acompanhar o caso. Peritos tiveram na residência para colher mais informações do que motivou o possível curto circuito.  

O fato aconteceu no centro de Barra do Garças na rua Pires de Campos. O pai do adolescente, advogado João Rodrigues que faz da direção da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) estava em Cuiabá e teve que voltar às pressas a cidade. 

Bastante transtornado com o que aconteceu, o advogado lembrou que ainda convidou o filho para ir com ele para capital. 

 

Olhar Direto

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário