04/08/2011 - 08h:38 Mulher é acusada de matar filha de apenas 6 semanas em microondas

Ka Yang, de 28 anos, é vista nesta quarta-feira (3) em audiência na corte superior do condado de Sacramento, no estado americano da Califórnia. A mulher é acusada de matar a filha de apenas seis semanas de idade queimada dentro de um microondas.

A promotora designada na defesa de Yang ainda não tomou nenhuma ação, pois aguarda a apresentação de provas. O crime teria ocorrido em 17 de maio deste ano.

Em entrevista à TV americana "CBS" no mês passado, a mãe afirmou que a morte foi um acidente, mas a polícia acredita que a mulher está mentindo.

Depois que a mulher foi presa, a guarda de seus outros três filhos foi passada para os avós deles.

 

 

G1

Foto: Divulgação

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário

OS COMENTÁRIOS É DE TOTAL RESPONSABILIDADE DOS INTERNAUTAS QUE O INSERIR. O REPÓRTER DO ARAGUAIA ONLINE RESERVA-SE O DIREITO DE NÃO PUBLICAR MENSAGENS COM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO, PUBLICIDADE, CALÚNIA, INJÚRIA, DIFAMAÇÃO OU QUALQUER CONDUTA QUE POSSA SER CONSIDERADA CRIMINOSA. OS COMENTÁRIOS QUE CONTER NOS ITENS CITADOS ACIMA SERÃO EXCLUÍDOS. TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO ARQUIVADOS ATRAVÉS DO IP E SERVIRÃO DE PROVAS CONTRA AQUELE QUE USAR ESTE MEIO DE COMUNICAÇÃO.