04/09/2013 - Duas mulheres são presas com drogas que abasteceriam presídios em Canarana

Duas mulheres acusadas de tráfico de drogas foram presas pela Polícia Judiciária Civil, durante o final de semana em Canarana (823 km a Leste). De acordo com as investigações,  as drogas apreendidas com as traficantes abasteceriam os presídios de Água Boa (730 km a Leste) e Canarana.
Na noite de sábado (31,08), a acusada Marcia Garces da Costa, 19, levantou suspeita dos investigadores por estar com um bebê de colo, discutindo com um motociclista em via pública. Ao ser abordado pela viatura policial, o motoqueiro fugiu e a traficante jogou uma sacola de compras do outro lado de um muro próximo.
Os investigadores recuperaram a sacola com duas caixas de sabão em pó, que continham 3 invólucros de maconha e 1 de pasta-base de cocaína. A suspeita foi encaminhada a Delegacia de Canarana, onde foi autuada em flagrante pelo delegado Sued Dias da Silva Junior.
Em depoimento, a acusada disse que veio de Barra do Garças (509 km a Leste) e que iria entregar a droga para o marido que está preso no presídio de Àgua Boa. A equipe de investigadores continua as diligências em buscas da identificação do motociclista que fugiu.
No domingo (01.09), policiais da Delegacia de Canarana foram acionados de que uma mulher estava tentando entrar com drogas no presídio da cidade. No local, a acusada Luzia Dias, 27, foi presa em flagrante com quatro carteiras de cigarro de maconha. De acordo com o delegado Sued Dias, o fumo foi retirado dos cigarros e substituído pela droga.
 
Assessoria/PJC-MT

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário