05/08/2011 - 08h:25 Planejamento Tucano em Governo Petista.

Parece estranho e no mínimo curioso observar que os principais candidatos a presidência da republica em 2010 elogiaram o governo FHC, e que ainda assim o PSDB não foi capaz de utilizar tal admiração para alcançar sucesso no ultimo pleito. Além de Marina Silva e Dilma Roussef, a população volta, aos poucos, a admirar os projetos e programas tucanos implantados entre 1994 a 2002 em todo o Brasil.

 

Após oito anos de um governo egocentrista, sem criatividade e populista, o brasileiro volta a ter contato com problemas econômicos e suas consequências, a inflação volta a subir, a bolsa de valores despenca e a incerteza do investidor sobre o futuro só aumenta. O Brasil lutou durante décadas para controlar a inflação e criar mecanismos que permitissem o maior poder de controle e decisão sobre a economia de forma a solucionar problemas estruturais e principalmente o de evitar grandes surpresas ao mercado.

 

O Plano Real consolidou esta luta. Construído por uma equipe de técnicos o plano foi elaborado de forma a eliminar os erros já cometidos no passado e trazer a tranquilidade certa ao mercado para que este pudesse projetar investimentos no longo prazo com riscos menores, e principalmente, calculáveis. O maior e melhor exemplo da consolidação econômica realizada pelo Plano Real é a redução da Inflação que saiu da casa dos trilhões para os dois dígitos.

 

Este feito, aliado a uma série de planos paralelos de ajustes estruturais na economia que possibilitaram o crescimento do PIB que observamos nos últimos anos. Apesar de Lula e do PT terem assumido a paternidade, não é difícil perceber que nada de novo ocorreu durante os últimos oito anos que justificasse o crescimento médio de 6% que apresentamos. Aliás, a única inovação de Lula talvez tenha sido a tomada de decisão pela continuidade dos projetos iniciados por FHC.

 

Dito isto, posso afirmar minha felicidade porque agora no governo Dilma, finalmente toda a arquitetura montada para fortalecer a economia, trazer a iniciativa privada para dividir a responsabilidade com o Estado de“tocar” a economia feita pro FHC e sua equipe, passa a ser reconhecida. Agora o governo petista passou a elogiar o PROER, PROES, a LRF, a cartilha econômica implantada pelos tucanos e principalmente os programas sociais. A mais nova e que talvez cause maior estranheza é a aceitação das privatizações. Sim agora o PT não só aceita privatizar, como privatiza.

 

Agora cabe ao povo ver quem realmente planejou e ajudou o Brasil e quem esteve contra tudo e contra todos. Ao PSDB resta levantar a cabeça, rever onde errou epartir pra cima, já mostrou o que pode fazer e agora vai mostrar que pode fazer ainda mais.

 

Wladimir Colman é Economista e presidente da Juventude Tucana de Mato Grosso, “Tucanada do Bem”.

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário

OS COMENTÁRIOS É DE TOTAL RESPONSABILIDADE DOS INTERNAUTAS QUE O INSERIR. O REPÓRTER DO ARAGUAIA ONLINE RESERVA-SE O DIREITO DE NÃO PUBLICAR MENSAGENS COM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO, PUBLICIDADE, CALÚNIA, INJÚRIA, DIFAMAÇÃO OU QUALQUER CONDUTA QUE POSSA SER CONSIDERADA CRIMINOSA. OS COMENTÁRIOS QUE CONTER NOS ITENS CITADOS ACIMA SERÃO EXCLUÍDOS. TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO ARQUIVADOS ATRAVÉS DO IP E SERVIRÃO DE PROVAS CONTRA AQUELE QUE USAR ESTE MEIO DE COMUNICAÇÃO.