05/08/2013 - Trabalhadores da educação decidem hoje (5) greve na rede estadual

Os trabalhadores da educação de Mato Grosso decidem hoje (5) se iniciam greve na rede estadual de ensino por tempo indeterminado. A assembleia geral para deliberação sobre a paralisação está marcada para às 14h na Escola Estadual Presidente Médici em Cuiabá. O Conselho de Representantes realizado no final de semana apontou que a categoria deve suspender as atividades imediatamente.

 

Está na pauta da assembleia geral a deliberação sobre a greve sem prazo para terminar. Desde abril em estado de greve, a categoria não vê avanços do governo em atender a reivindicação dos trabalhadores, que se repete desde o ano passado.

 

A pauta de reivindicações dos trabalhadores da educação exige a aplicação dos 35% dos recursos do Estado em educação como prevê a Constituição Estadual, a realização de concurso público, cumprimento da hora-atividade, investimento nas unidades escolares e compromisso de valorização profissional do trabalhador por meio da dobra do poder de compra em um prazo estabelecido de no máximo 7 anos.

 

Em reunião, os representantes de cerca de 100 subsedes do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), indicaram a deliberação pela greve imediatamente. O posicionamento foi baseado na falta de apontamentos concretos do governo estadual sobre a pauta de reivindicações da categoria. O Conselho de Representantes foi realizado em Cuiabá entre os dias 3 e 4 de agosto.

 

Escrito por Ícone Assessoria de Imprensa em colaboração

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário