05/11/2013 - MT deverá ganhar nono dígito na telefonia móvel em 2016, diz Anatel

Estado está na última parte do cronograma de implantação da mudança. Acréscimo de dígito é necessária por conta da demanda pelo serviço móvel.

 

O acréscimo do nono dígito nos números dos telefones celulares, como ocorreu recentemente em São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo, ainda deve demorar a ser implantada em Mato Grosso. O cronograma da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) prevê que a medida deve ser colocada em prática aqui até o final de 2016.

O estado está incluído na lista dos últimos entes da federação onde a mudança será adotada, juntamente com Acre, Rondônia, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Goiás, Distrito Federal, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Segundo a Anatel, a alteração é necessária para atender a demanda pelo serviço móvel no  Brasil, em fase de crescimento. A alteração começou no Brasil pelo DDD 11, de São Paulo.

Os próximos estados a adotar o nono dígito serão Amazonas, Roraima, Pará, Amapá e Maranhão, cuja previsão é até o final do ano que vem. Até o final de 2015, será a vez dos estados do Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e Minas Gerais.

 

G1

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário