05/11/2015 - INVESTIMENTO NO ARAGUAIA: Zeca Viana apresenta emenda de 350 mil para beneficiar bacia leiteira

05/11/2015 - INVESTIMENTO NO ARAGUAIA: Zeca Viana apresenta emenda de 350 mil para beneficiar bacia leiteira

Pequenos produtores de leite de Bom Jesus do Araguaia e região terão estrutura adequada para o processamento do leite produzido no Araguaia em breve. O deputado Zeca Viana (PDT-MT) apresentou emenda no valor de R$ 350 mil para um projeto de construção do prédio, compra de equipamentos e ampliação do laticínio da Cooperativa Mista de Produtores Rurais de Bom Jesus do Araguaia (Cooperbonja).

Cerca de 15 mil litros diários de leite são produzidos apenas em Bom Jesus do Araguaia na época da seca. Com pasto melhor no período de chuva, a produção leiteira chega a 25 mil litros diários. Além do município, a bacia de leite inclui os municípios de Ribeirão Cascalheira, Alto Boa Vista, Serra Nova Dourada e Novo Santo Antônio.

O deputado recebeu em seu gabinete na quarta-feira (4/11), o vice-prefeito de Bom Jesus do Araguaia, Silvio Dantas (PDT), o presidente  da cooperativa, Jean Carlos Ribeiro, e um dos cooperados, Valdemir Rodrigues Quixabeira. Eles apresentaram projeto do laticínio e dados de custos e planta do local.

Silvio Dantas destacou o apoio da emenda do deputado como forma de alavancar o desenvolvimento socioeconômico do município. “Como em Bom Jesus do Araguaia é preciso ter investimento para a atividade produtiva, a emenda vai ajudar os cooperados a terem condições de produzir queijos e derivados”, aponta.

Já o presidente da cooperativa, Jean Carlos, aponta que a bacia leiteira é essencial para permitir renda aos pequenos produtores da pecuária. “O deputado Zeca Viana esteve lá, viu a necessidade e a importância de ter o laticínio. Ele se reuniu com o Silvio e comentou que iria apresentar emenda. O deputado pediu para elaborar o projeto. Foi o que fizemos e trouxemos aqui”, conta.

A cooperativa foi fundada há 2 anos, por 24 sócio-fundadores e atualmente tem 42 cooperados. No mercado do setor leiteiro, segundo dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Cepea/Esalq), o produtor recebeu R$ 0,9731 por litro em outubro, índice em queda. O preço não inclui frete e impostos. Em setembro e outubro houve redução do preço pago ao produtor em nível nacional. A tendência é que o mesmo ocorra em novembro, segundo o instituto de pesquisas.

 

 

 

Jonas da Silva / Assessoria

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário