05/12/2013 - Com 15 votos, Pinheiro é eleito para presidir Câmara; Chico faz apenas 3

O vereador Júlio Pinheiro (PTB) acaba de ser eleito presidente da Câmara de Cuiabá com 15 votos, conforme antecipou RDNews. O outro candidato, Chico 2000 (PR), obteve apenas três votos. Sete vereadores preferiram optaram pela abstenção.

  Durante o processo eleitoral, Onofre Júnior (PSB), que é o 1º vice-presidente e assumiu o comando do Legislativo quando João Emanuel (PSD) foi afastado da presidência por ordem judicial, apresentou um parecer jurídico afirmando que deveria permanecer no cargo em obediência ao Regimento Interno. A atitude do vereador indica que a eleição de Júlio Pinheiro poderá ser contestada na Justiça.

  Júlio Pinheiro assume a presidência da Câmara pela segunda vez. O mandato tampão, em substituição a João Emanuel, que renunciou na última terça (3) após ter sido alvo da Operação Aprendiz, vai até 31 de dezembro de 2014, quando a atual Mesa Diretora será substituída. As eleições regulares acontecem em agosto, mas a posse será somente no final do ano. Confira a cobertura em tempo real.
 

10:04 - Júlio Pinheiro senta na presidência da Mesa Diretora - que já está com a placa que leva o seu nome - e encerra a sessão. "Como estamos em confraternização, sugiro encerrar a sessão", afirmou. Pedido foi aceito por todos, que começam a deixar o Plenário.

10:00 - Júlio Pinheiro agradece o apoio dos vereadores e faz questão de abraçar todos os 24 parlamentares. Ata de posse é lida por Maurélio Ribeiro e assinada por Pinheiro.

09:57 - Com 15 votos, Júlio Pinheiro é eleito presidente do Legislativo e vai substituir João Emanuel. Chico 2000 teve 3 votos e foram registradas 7 abstenções.

09:56 - Ricardo Saad e Wilson Kero Kero são os últimos a votar e escolhem Júlio Pinheiro.

09:50 - Oséas Machado e Renivaldo votam em Júlio Pinheiro, que soma 13 votos e já pode ser considerado o novo presidente da Câmara. Foram registradas ainda 7 abstenções e Chico 2000 obteve apenas 3 votos. "Seguindo a unidade, para dar maioria e não haja outra jogada no apagar das luzes, eu vou votar em Júlio Pinheiro", disse Renivaldo, da tribuna.

09:49 - Agora, Onofre Júnior sobe à tribuna e diz respeitar Chico e Júlio Pinheiro, mas decide se abster por entender que a eleição deveria ser para vice-presidente e não para presidente, ou seja, que ele deveria continuar no comando do Legislativo. Já são 7 abstenções.

09:46 - Mário Nadaf vota em Chico 2000, Maurélio Ribeiro se abstém e Marcream vota em Júlio Pinheiro, que chega a 11 votos. Já Chico 2000 tem 3. São 6 abstenções.

09:43 - "Político tem que ter lado e candidato Leonardo. Não acredito que o povo tem coragem de elogiar e não voto em você. Pelo amor de Deus, Maurélio você pode achar desnecessário o que eu estou falando, mas eu estou vendo um desrespeito a Chico 2000. Eu gosto de você Chico, mas o meu voto é de Júlio Pinheiro", disse Lueci, ao votar em Júlio Pinheiro e criticar colegas.

09:42 - Leonardo Oliveira também se abstém sob justificativa de que Júlio Pinheiro e Chico 2000 são da base e, como ele é líder do prefeito, prefere não votar em nenhum deles. Juca do Guaraná e Lueci Ramos votam em Júlio Pinheiro que já soma 10 votos.

09:37 - Agora, sobe a tribuna João Emanuel - ex-presidente da Câmara - e também preferiu se abster. Júlio Pinheiro vota nele mesmo e já tem 8 votos, Chico 2000 tem 2 e foram computadas 4 abstenções.

09:34 - Chico 2000 vota nele mesmo. Já Haroldo Kuzai não segue orientação do Solidariedade - que fechou apoio com Júlio Pinheiro - e decide se abster.

09:32 - Lilo também vota Júlio Pinheiro, que já tem 6 votos contra um de Chico 2000. Levante e Faissal preferiram não votar. "Me recuso a pagar pelos erros dos outros, por isso, prefiro me abster".

09:30 - Clovito e Domingos Sávio também votam em Júlio Pinheiro. Já Dilemário Alencar credita seu voto em Chico 2000.

09:29 - Arilson também vota em Júlio Pinheiro, que já tem 3 votos. Adilson Levante preferiu não votar.

09:27 - Allan Kardec diz ter feito esforço para que Onofre disputasse a eleição, como não foi possível, por orientação partidária, resolveu votar em Júlio Pinheiro. Toninho de Souza também vota em Júlio Pinheiro e justificou que o escolheu por sua capacidade política de trabalhar em grupo.

09:24 - Adilson levante se abstém.

09:24 - Começa a eleição do novo presidente. Adevair é o primeiro a votar. Escolhe Júlio Pinheiro.

09:22 - Agora, Onofre chama Haroldo para presidir o Legislativo e anuncia que vai se retirar do Plenário e que não participará da eleição.

09:20 - Onofre tenta apaziguar e diz que não quer ganhar no "tapetão", mas que cumpriu o seu papel como presidente.

09:19 - Clima é tenso. Renivaldo reclama de manobras obscuras e pede que hoje os vereadores demonstrem que são sérios.

09:18 - Renivaldo Nascimento também cita o Regimento Interno para afirmar que a eleição é válida sim e pede que os vereadores acabem com essas brigas internas.

09:16 - Toninho subiu na tribuna para questionar a postura de Onofre. Toninho reforça que ficou constado em ata, na sessão passada, que Onofre e Haroldo Kuzai estavam aceitando a eleição porque estavam abrindo mão da presidência. "O senhor está abrindo mão novamente da presidência ou o senhor vai entrar na Justiça para assumir a presidência".

09:14 - Conforme o parecer, a vaga de João Emanuel deveria ser substituído por Onofre Júnior, seu sucessor imediato. Parecer assinado por assessores jurídicos. Dizendo que parecer não será submetido. "Estou me isentando de qualquer questionamento judicial futuro".

09:08 - Onofre aparece com um elemento surpresa e diz ter um parecer jurídico do Legislativo em relação a eleição que ocorrerá na manhã desta quinta. "A vontade que prevalece é do Plenário, mas cabe a gente fazer algumas ponderações".

09:06 - Agora, Onofre - presidente em exercício - diz deixar o comando do Legislativo com sensação de ter cumprido a sua missão. Agora, ele pede o direito de se pronunciar antes da eleição.

09:05 - Chico lembra que perdeu duas eleições com Lueci e Adevair, mas nunca abandonou os companheiros. "Sempre procurei cumprir meus compromissos"

09:02 - Já sabendo da derrota, Chico 2000 afirma ter certeza que Júlio Pinheiro será um ótimo presidente.

09:01 - "Esse livro é o que precisa ser fechado, precisamos escrever um novo livro".

09:01 - Republicano cobra uma gestão séria e lembra que, às vezes, é necessário cortar na própria carne. "Essa Casa Júlio Pinheiro precisa participar de debates importantes como a questão da dengue".

08:59 - Chico 2000 comenta ainda a renúncia de João Emanuel e diz que não cabe a ele dizer se é certo ou errado e que cabe a João Emanuel responder aos questionamentos na Justiça.

08:59 - Chico 2000 comenta ainda a renúncia de João Emanuel e diz que não cabe a ele dizer se é certo ou errado e que cabe a João Emanuel responder aos questionamentos na Justiça.

08:56 - Chico 2000 lembra que sempre buscou formas de acabar com os problemas do Legislativo e disse que João Emanuel, ex-presidente, é testemunha disso. Lembrou que foi um dos escolhidos para compor comissão de vereadores que vinha ajudando a administrar a Câmara. "Trabalhamos para garantir pelo menos salário e décimo terceiro dos servidores dessa casa".

08:54 - Agora é a vez de Chico 2000 discursar. Ele lembra que esse é um momento muito importante para a história do Legislativo. "Esse livro deve ser fechado, um livro que representa um período ruim, um livro que foi marcado por problemas, por isso, ele precisa ficar num arquivo para que não passe de uma memória ultrapassada".

08:51 - Ele citou ainda todos os feitos, especialmente concurso e avisa: "caso eleito, terei que tomar medidas amargas". Por fim, promete, caso eleito, convocar todos os concursados.

08:49 - Júlio promete ainda cuidar de cada um dos vereadores e também dos servidores.

08:49 - Alega ter sido convidado por um grupo graças a sua gestão ter sido absolutamente tranquila e, por isso, aceitou a missão. "Abri mão de 2 anos em prol dessa casa. Abri mão de dois anos para ter um ano. Caso seja eleito, quero contar com todos os vereadores. serei presidente de 25 vereadores".

08:46 - Júlio Pinheiro afirma nunca ter escondido a pretensão de ser o sucessor de João Emanuel. "Infelizmente foram esses fatos que acabaram vagando esse cargo de presidente".

08:45 - Júlio Pinheiro (PTB) e Chico 2000 (PR) se inscreveram para a disputa. Cada um tem 10 minutos para discursar antes da eleição.

08:44 - João Emanuel, que renunciou na terça, está abatido e acompanha a escolha de seu sucessor. Júlio Pinheiro deve ser eleito.

08:39 - Sessão é presidida por Onofre Júnior (PSB). Neste momento, o candidato Júlio Pinheiro faz a inscrição junto a Mesa Diretora. O prazo para efetuar a inscrição é de 10 minutos.

 

Jacques Gosch

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário