07/04/2011 - 09h:43 José Riva acusa Yênes de mentir de forma deslavada sobre sistema BRT

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual José Riva (PP), acusou o presidente da Agência Executora de Projetos da Copa (Agecopa), Yenês Magalhães, de "mentir" para atender interesses de lobistas do Bus Rapid Transit (BRT). Além disso, Riva afirmou ainda desconfiar que Magalhães esteja envolvido no esquema de lobby.
“O Yenês está contando uma mentira deslavada para atender interesses de lobistas do BRT e passo a ter dúvida se ele não está envolvido”, afirmou Riva em entrevista ao Olhar Direto, logo após ser informado de que o diretor teria recebido uma carta dos empresários portugueses da Via Ponte atestando a viabilidade do BRT.
O parlamentar republicano informou ainda que o governador Silval Barbosa (PMDB) já combinou uma reunião com parlamentares e diretores, quando retornar dos Estados Unidos, para avaliar o quadro.
Riva havia denunciado na terça-feira (5) que os engenheiros, que haviam assumido a responsabilidade de realizar um estudo de viabilidade do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), teriam sido ameaçados para desistir do projeto.
Ele acusou ainda os diretores da Agecopa de terem pressionado aos empresários e representantes do VLT com informações de que o BRT já estaria definido, fato responsável por "insegurança".
Riva destacou ainda que o empresário Massimo A. Giovina-Bianchi, responsável pelo estudo comparativo entre BRT e VLT, tem mais de 40 anos no ramo e muito mais experiência do que Yenês. Massimo é diretor-presidente da T'Trans e assegurou que o VLT é o sistema mais adequado para Cuiabá e assegurou que o BRT está ultrapassado. 

 

Da Redação - Alline Marques