07/07/2011 – 08h:00 Justiça de MT determina fim da greve na Secretaria de Meio Ambiente

Servidores da Sema entraram em greve no dia 21 do mês passado.
Categoria reivindica principalmente reajuste salarial.

A Justiça de Mato Grosso determinou nesta quarta-feira (6) a suspensão em 72h da greve dos servidores da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), a partir da notificação. Se a entidade sindical recusar-se a retornar ao trabalho deverá pagar o montante de R$ 20 mil de multa diária, conforme informações divulgadas pelo governo do estado.

O procurador-geral, Jenz Prochnow Júnior, explica que entrou com uma ação declarando a greve ilegal. “A defesa ao meio ambiente não pode ser parcelada, como outros serviços, pois pode causar prejuízos irreparáveis”, argumentou o procurador geral.

A greve

Os servidores estão com as atividades paralisadas desde o dia 21 do mês passado. Eles reivindicam reajuste salarial, que, segundo os grevistas, não ocorre há 11 anos. Atualmente o salário inicial é de R$ 2,8 mil e o final chega a aproximadamente R$ 7 mil. Os manifestantes reivindicam R$ 6 mil para começar na carreira e cerca de R$ 11 mil para quem tem 30 anos de atuação. O Sindicato da Sema ainda não se manifestou sobre o assunto.

Do G1 MT

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário