07/07/2015 - Taques entrega 200 caminhonetes e anuncia que todas as cidades terão ao menos uma viatura e cinco policiais

Todos os municípios de Mato Grosso terão pelo menos uma caminhonete e,  no mínimo,  cinco policiais militares. O anúncio partiu do governador José Pedro Taques (PDT) e secretário Mauro Zaque, de Segurança Pública, após a entrega de 200 novas viaturas, nesta segunda-feira (6), no salão Clóves Vettorato do Palácio Paiaguás.

“Avançamos na segurança, com operações de Impacto e Interior Seguro, combatendo a criminalidade e a violência. Mais de dois mil novos profissionais serão integrados às forças policiais até o final de 2015”, afirmou o governador, ao lembrar que também foram adquiridas 200 motos, 1.200 pistolas novas e três mil coletes à prova de balas.
 
“Os investimentos em segurança representam um avanço significativo, porque houve é a defesa do cidadão. Representa a vida, a tranqulidade para a sociedade. O governo Taques começa a concretizar promessas de campanha”, afirmou Mauro Zaque.
 
“Tanto na distribuição das viaturas quanto pessoal, estamos priorizando a ponta: aqueles municípios que sempre foram esquecidos. É um governo comprometido com segurança. Estamos proporcionando os meios necessários. Nenhum município de MT ficará sem ao menos uma caminhonete e cinco policiais”, afiançou ele. No cenário anterior, apontado por Mauro Zaque, pelo menos 20 cidades eram atendidas com viaturas de cidades vizinhas.
 
O comandante geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel BM Júlio Cézar Rodrigues, destacou que está sendo implantada a nova unidade de Juína, a 720 quilômetros de Cuiabá. “Além disso, mais 200 candidatos do último concurso serão chamados para o novo curso de formação, com previsão de formatura em fevereiro de 2016”, citou ele.

“Temos também processo de aquisição de mais 10 viaturas de combate auto-bomba tanque, equipamentos de proteção individual e viaturas leves para vistoria técnica”, emendou coronel Júlio Rodrigues.
 
A prefeita Rosangela Aparecida Nervis (PMDB), de Cotriguaçu – 994 quilômetros distante de Cuiabá, destacou o empenho do governador Pedro Taques em atender uma antiga reivindicação. A cidade era atendida por apeans dois policais e terá cinco. “A viabilidade da viatura e de mais policiais é essencial para que nossa gente  trabalhe com maior segurança”, destacou ela.
 
Mulheres 
 
A força feminina está cada vez mais presente nas instituições policiais. Tanto que no último concurso da Polícia Judiciária Civil, 36% dos aprovados no limite de vagas são mulheres. São 204, sendo 92 para o cargo de escrivão e 112 investigadoras de polícia, do total de 600 policiais que ingressaram na instituição.
 
Dos 600 novos policiais, 150 escrivães e 150 investigadores entraram em atividade no começo de maio deste ano. Outros 300 investigadores estão finalizando o curso de formação na Academia da Polícia Civil e serão lotados nas delegacias de polícia no início da segunda quinzena de julho.   (Colaborou Jardel Arruda)

 

 

Da Reportagem Local - Ronaldo Pacheco

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário