07/10/2016 - Acusado de participar da morte de adolescente e atentar contra irmãos é preso em São Félix do Araguaia

07/10/2016 - Acusado de participar da morte de adolescente e atentar contra irmãos é preso em São Félix do Araguaia

O quarto suspeito de envolvimento em uma ação criminosa que terminou na morte de um adolescente e na tentativa de homicídio contra dois jovens teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, nesta quarta-feira (05.10), em São Félix do Araguaia (1.200 km a Noroeste).

 

O acusado, Lourival Abreu, 19, conhecido como “Pebinha”, teve a ordem de prisão temporária decretada pela Justiça, após ter a participação identificada no crime praticado contra três irmãos, tendo como vítima fatal o adolescente, Matheus de Souza Silva, de 16 anos. O homicídio consumado e as duas tentativas aconteceram, na madrugada de 25 de setembro, no Distrito de Espigão do Leste, provocando comoção na população local.

                 

Outros quatro participantes da execução do menor e do atentado contra os irmãos, de 19 e 21 anos, foram presos pela Polícia Militar, no dia do crime. Apontado como mentor do crime, Cícero Paulo Fontes e seu filho, R. F. G., 15, continuam foragidos. Segundo a Polícia, o crime foi motivado pelo fato de Matheus ter tido um relacionamento com a filha de Cicero, de 15 anos.

 

De acordo com as investigações, o suspeito Cícero Paulo junto com mais dois comparsas colocaram à força as vítimas em um veículo Fiat Pálio, sendo os irmãos maiores de idade presos no porta-malas e o adolescente colocado no banco do passageiro. Os criminosos seguiram em direção a um matagal, cerca de 10 quilômetros da vila.

 

No caminho, um outro carro Fiat Siena, ocupado por mais quatro colegas dos suspeitos, entre eles dois adolescentes, também seguiu para a zona rural, dando apoio à ação criminosa. Ao chegarem ao local combinado, Matheus foi retirado do carro, sendo logo em seguida atingido com um disparo de arma de fogo.

 

O jovem, mesmo ferido, correu para uma mata fechada, no entanto, foi alcançado por um dos suspeitos e mais quatro colegas que davam cobertura. A vítima levou aproximadamente catorze facadas, ficando agonizando no meio da mata. Em seguida, o grupo voltou para o carro e abriu o porta-malas, onde estavam os outros dois irmãos.

 

Ao abrirem, as vítimas saíram correndo, mas um deles foi atingido com uma facada na altura do peito, e o segundo, com um disparo na perna. Mesmo com os ferimentos, os irmãos conseguiram fugir. Após a ação, os suspeitos retornaram para a vila, sendo que, horas depois, três deles foram presos pela Polícia Militar e encaminhados para a cadeia pública da cidade.

 

Cícero Paulo, principal mentor de toda a ação delituosa, está foragido. Toda a ação criminosa foi motivada pelo fato de sua filha ter mantido relacionamento com a vítima menor de idade.. O adolescente R.F.G. ,15, filho de Cícero, e também participante do caso, fugiu com o pai. O outro adolescente que participou da ação segue procurado pela polícia.

 

O corpo do menor foi encontrado pela Polícia Civil e Militar no dia 28, três dias após o crime, em avançado em estágio de decomposição. Lourival Abreu foi encaminhado para a cadeia pública da cidade, à disposição da justiça.

 

 

 

PCJ com O Repórter do Araguaia

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário