08/02/2016 - Mato Grosso em dose dupla na avenida

08/02/2016 - Mato Grosso em dose dupla na avenida

Depois de Cuiabá ter sido tema do enredo da escola de samba Estação Primeira de Mangueira no Carnaval de 2013, Mato Grosso volta para a avenida, e desta vez em dose dupla. Enquanto a Unidos da Tijuca canta as pujanças de Sorriso, município ao Norte do estado, a escola de samba paulista Mancha Verde se inspirou nas belezas mato-grossenses para compor o seu enredo.

Semeando sorriso, a Tijuca festeja o solo sagrado. Este é o tema da escola de samba carioca, última a desfilar na noite de este domingo (07) na Marquês de Sapucaí. Segundo os autores do enredo,” pelos caminhos da natureza chega-se à terra dos grãos, uma espécie de terra prometida aos agricultores e também um solo que germina esperança à agricultura brasileira”.

Capital nacional do agronegócio e dona da quarta maior economia do estado, a cidade de Sorriso foi escolhida por conta de uma afinidade do presidente da escola, Fernando Horta, com o município. “Ano passado a Tijuca fez um enredo sobre a Suíça e esse ano eu estava querendo fazer um enredo bem nacional. Eu também sou vinicultor, gosto da agricultura e o futuro do nosso país é a agricultura. Visitando aquela área de Cuiabá eu cheguei a Sorriso”, explicou.

Depois de escolhido o tema, uma comissão da escola veio até Mato Grosso para conhecer a cidade. “A gente foi fazer um laboratório, uma imersão na cultura da cidade de Sorriso. A cidade é bonita, a cultura é bonita e deu um grande enredo”, acrescentou Marcos Paulo, integrante da comissão.

O município surgiu com a chegada dos primeiros imigrantes, em meados da década de 70, vindos do Sul do país. O cerrado foi dando lugar à plantação de arroz e, em seguida a soja, que começou a ser semeada na década seguinte.

Atualmente o município é um exemplo nacional de aplicação da agricultura moderna que alia alta produtividade à preservação. A cidade-modelo possui cerca de 80 mil habitantes.

EM SP - A fauna e a flora de Mato Grosso, com suas cores vibrantes, foi a inspiração para a escola de samba paulista Mancha Verde. O tema, no entanto, não é inédito. A escola, que desfila pelo grupo de Acesso do carnaval paulista, escolheu reeditar o samba-enredo de 2005 e, mais de dez anos depois, canta “Mato Grosso, uma Mancha Verde no Coração do Brasil”.

O desfile das escolas do grupo de Acesso começa na noite de domingo (7) e a previsão de entrada da Mancha Verde é a partir de 1h (horário local). 

 

 

Angélica Moaes, repórter de A Gazeta

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário