08/03/2012 - Assaltante ameaça jornalista de morte na frente da Policia Militar

O jornalista Jandir Martins, da TV Record de Rondonópolis, foi ameaçado de morte pelo assaltante Bruno Rodrigues de Lara, 24 anos, quando cobria a coletiva de imprensa sobre a prisão de três suspeitos de envolvimento em um assalto com reféns na Eldorado Pneus, no bairro Cidade Salmen. O crime ocorreu na tarde de ontem (7).

Depois das informações prestadas pelo coronel Valdivino Pimentel, comandante regional da PM, os bandidos foram apresentados à imprensa. Desta forma, outras possíveis vítimas poderiam procurar a delegacia caso reconhecessem alguns deles. Depois da prisão do trio, uma mulher reconheceu Bruno e Rony Von Moraes Dourado Junior, 21 anos, como autores de um roubo na casa dela, onde ambos agiram com muita violência, agredindo ela e os filhos para levar R$ 7 mil. 

Ao colocar o microfone próximo de Bruno e Rony para perguntar o que eles tinham a dizer, Bruno avisou que não iria falar nada. Como Jandir insistiu, ele respondeu com violência e deu um chute para trás na intenção de acertar o jornalista. O repórter o questionou por responder com violência, Bruno disse que eles já estavam humilhados e algemados e disse que depois que saísse da cadeia iria “pegar” Jandir.

O coronel Valdivino ordenou que os policiais retirassem os bandidos da sala. Ao sair, Bruno e Rony xingaram o repórter e o primeiro saiu repetindo as ameaças de morte, assim que deixar a cadeia. A cena foi presenciada pelo coronel, comandantes de batalhão e demais jornalistas que foram à coletiva. 

Jandir vai registrar boletim de ocorrência. Ele só não fez o documento ontem porque estava na hora de apresentar o programa policial. “Eu vou representar criminalmente sim, fui ameaçado na frente de todo mundo”.

 

De Rondonópolis - Débora Siqueira

Comentários

Data: 09/03/2012

De: Karloss

Assunto: é frouxo esse judiciario de MT

povo frouxo ou compactua com os bandidos.

Novo comentário