08/03/2016 - Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas

08/03/2016 - Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas

Canarana bate o recorde dos últimos cinco anos e atinge números elevados de notificações de Dengue. O Índice de Infestação Predial (quantidade de imóveis com focos do mosquito da Dengue) é alarmante. Ele está acima do permitido (foi registrado 8,22% e o preconizado é menor que 1%), o que coloca Canarana em alerta máxima para uma possível epidemia de Dengue, Chikungunya e Zica Vírus.

Até o final de fevereiro foram notificados 185 casos de Dengue e até 13 casos de Zika. É de conhecimento que o número real de notificações de Zika é inconclusivo, pois muitos pacientes não passam por atendimento médico e na maioria das vezes não apresentam sintomas, sendo assim não notificados. Um problema grave é a contaminação das gestantes pelo Zika Vírus, no entanto, até o momento o município não apresenta casos de Zika notificados em gestantes, mas não é possível descartar a hipótese de que haja alguma gestante infectada, já que na maioria dos casos os pacientes não apresentam sintomas.

Ações emergenciais contra a Dengue em Canarana

Diante do alto índice de imóveis com focos do mosquito da Dengue, várias ações emergenciais foram realizadas pela Prefeitura de Canarana, por meio das Secretarias Municipais de Saúde e de Viação e Obras Públicas, como:

  • Capacitação dos novos agentes de saúde e endemias;

  • Realização de Mutirão de Limpeza nos bairros Jardim Tropical, Jardim Panorama, Sete de Setembro, Morada do Sol, Jardim Bela Vista, Jardim União e Nova Canarana;

  • Descarte de pneus do município em empresa de São Paulo;

  • Realização da campanha “Sábado Dia ‘D’ Contra a Dengue”, no Bairro Sete de Setembro;

  • Vistoria nas residências e coleta de larvas pelas agentes de saúde;

  • Limpeza das caixas d’água e calhas das Unidades de Saúde do município.

A Secretaria Municipal de Saúde também realizou em caráter emergencial aquisições de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), botinas específicas, bicicletas, bombas de borrifação, máscaras de proteção com filtro, bolsas de lona, óculos de proteção, pesca larvas e outros materiais de extrema importância para a realização dos trabalhos de combate ao mosquito Aedes Aegypti.

Segundo a secretária de Saúde de Canarana, Alessandra Santos Abreu, os trabalhos não param por aí. Diariamente as equipes responsáveis estarão realizando visitas domiciliares, informativos de conscientização e prevenção, para que a população mantenha os quintais limpos e eliminam todos os recipientes onde o mosquito pode proliferar. “Os cuidados básicos dificultam a criação dos mosquitos, e com isso todas as pessoas terão um ambiente seguro e mais saudável”, afirmou Alessandra.

Vale ressaltar que o Mutirão de Limpeza continua nos bairros Nova Canarana e União, como um segundo momento para a eliminação do mosquito Aedes Aegypti no município.

    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas
    • Casos de Zika Vírus são notificados em Canarana e ações emergenciais são tomadas

Prefeitura de Canarana

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário