09/05/2013 - Universitário é agredido por primo professor por causa de comentário no Facebook

Um comentário postado na rede social Facebook terminou em agressão física no município de Aragarças (GO), divisa com Mato Grosso. O universitário de direito Sostenis Freitas Novais, 21 anos, registrou queixa na delegacia contra o primo Cailey Novais, que é professor na Faculdade Cathedral, e que teria o agredido com um soco no olho. 

A agressão aconteceu segunda-feira (6) quando Sostenis estava no facebook conversando com uma conhecida que ganhou neném recentemente. Ele lhe deu um conselho para dar educação à filha e deixar de lado alguns arrogantes. O primo estava no mesmo link e não teria gostado da observação e foi atrás do universitário para tirar satisfação. 

O estudante conta que estava na papelaria do pai no momento em que o primo chegou e pediu para falar com ele em particular. Sostenis o levou para conversar em um cômodo no fundo do estabelecimento e nesse lugar teria recebido um soco no olho esquerdo. Após a agressão, o professor saiu correndo do ambiente. “Eu não falei dele. Eu estava dando um conselho para uma conhecida e pelo jeito entendeu que foi uma indireta para ele”, explica. 

Sostenis reclama que não estava preparado para se defender na hora da agressão porque não imaginava que o primo fosse lhe agredir. Após fazer exame de corpo delito, o universitário procurou a faculdade para verificar a possibilidade de mudar o turno pois estuda no mesma faculdade onde o primo leciona. 

O estudante admitiu que tem um problema familiar com o primo. O professor Cailey foi procurado para falar sobre o assunto quarta-feira (8) e mandou informar através de colegas de trabalho que se manifestará posteriormente. 

Esse não é o primeiro caso de briga por causa de comentários em rede social na região de Barra do Garças. No final de abril, uma postagem desairosa terminou em tentativa de homicídio, na qual um garoto de 18 anos, levou oito facadas. O motivo seria uma fofoca que se espalhou através do Facebook.

 

De Barra do Garças - Ronaldo Couto

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário