08/05/2015 - Prefeito de Canarana firma acordo com Ministério Público de limitar recursos para FEICAN

Para assumir o compromisso de que será usado apenas o investimento previsto na FEICAN (Feira Industrial, Comercial e Agropecuária de Canarana), o prefeito Evaldo Diehl, assinou um Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta com o Ministério Público do Estado, por intermédio da Promotoria de Justiça de Canarana.

Com o termo, o prefeito se compromete que o Município somente passará o valor máximo de 700 mil reais para a ADAC (Associação dos Amigos de Canarana) subsidiar a FEICAN 2015.

Outro compromisso é respeitar o valor limite de 300 mil reais, a ser repassado pelo Município para a associação que realizará a festa do próximo ano.

“O prefeito concordou em fixar a festa nesses valores. O Ministério Público entende que é louvável fazer uma festa de alto nível, mas não com tantos recursos públicos, porque temos tantas carências em outras áreas e conversando com o prefeito ele também se sensibilizou. Entendemos que existe um anseio da população de Canarana em fazer uma festa igualada a de Água Boa-MT, mas acontece que lá consegue reunir valores mais expressivos na iniciativa privada e na própria venda de ingressos do que em Canarana,”, ressaltou o promotor de Justiça, Jorge Damante.

De acordo com Adelar da Silva, presidente da ADAC, comparado com a exposição de Água Boa, o apoio da iniciativa privada em Canarana é muito pequeno. “Falta apoio da comunidade, por isso fica difícil aqui fazer uma festa grande, uma festa boa, sem o apoio do poder público”, acrescentou.

Segundo o prefeito, a festa deste ano será realizada da maneira como foi programada. “Como a festa já estava em andamento, entramos num acordo para manter o valor e no próximo ano programaremos a festa em cima do que foi orçado para 2016. Isso é importante para a população ter tranquilidade e certeza de que a festa realmente vai acontecer. Mas também é importante que os empresários, agropecuaristas, a população e todos participem para fazermos uma grande festa”, colocou.

Evaldo também disse que agradece à Câmara por ela ter entendido que esse recurso é necessário para fazer essa festa. “Esse recurso sempre foi gastado a mais que vamos gastar este ano. Muitas vezes a sociedade acha que estamos tirando o recurso de outro lugar, mas ele sempre foi destinado para essa festa. Estamos tendo muita seriedade no uso dessa verba, e uma demonstração é esse acordo”.

Conforme explicou o prefeito, a Associação vai prestar contas de tudo o que for pago com esse recurso. E se sobrar alguma quantia ela terá que devolver ao Município. “Ela está administrando cautelosamente os gastos, para não gastar nada além do que for necessário. Estão sendo feitos contratos de todos os serviços que estão sendo realizados, pois eles também não querem se comprometer e ter problemas lá na frente”.

Vale ressaltar que o Termo do Ministério Público autoriza o Município fazer obras e serviços no Parque de Exposições Cidade Jardim, caso seja necessária alguma adequação por exigências do Corpo de Bombeiros e outros órgãos fiscalizadores, para a realização da festa.

 

 

Escrito por Danymeire Carvalho da assessoria

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário