08/06/2011 - 21h:00 Indios ocupam Usina Dardanelos, em Aripuanã

 Na tarde desta quarta-feira (8), lideres das  etnias Arara e Cinta-Larga, sob alegada manifestação de protesto para reivindicação de direitos de compensação ambiental pelos impactos da obra, ocuparam as instalações da Usina Hidrelétrica Dardanelos de 261 megawatts, localizada no Rio Aripuanã, no estado do Mato Grosso.

 
 
Mais de 70 índios das Etnias Arara e Cinta-Larga do Rio Branco invadiram as instalações da usina Dardanelos em Aripuanã – MT. Eles cobram reivindicações feitas há a quase um ano e nunca atendidas pela Energéticas Águas da Pedra. Os índios alegam que nem os telefonemas dos lideres são atendidos.

De acordo com o líder dos Araras Amazonildo Arara, o descaso em relação aos atendimentos dos pedidos é grande. Os índios disseram que por 12 horas a invasão será pacifica, caso seus pedidos novamente não forem atendidos, eles prometeram destruir as dependências da usina.

Alguns funcionários estão dentro da usina sem poder sair, caminhões e maquinas que estão dentro da obra, ficaram sob o poder dos índios. Os índios querem a presença dos mesmos diretores que no ano passado durante a primeira invasão negociaram com as etnias.

Cerca de 200 índios de outros municípios estão na espera aguardando o chamado, caso não se resolva o impasse eles reforçarão a invasão. A empresa Energética Águas da Pedra S/A – EAPSA, responsável pela construção da usina até o momento não se manifestou. (Cleverson Veronese/Top News)
 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário