08/06/2015 - Prefeituras preveem dificuldade para realizar a temporada de praia 2015

08/06/2015 - Prefeituras preveem dificuldade para realizar a temporada de praia 2015

As prefeituras de Barra do Garças, Pontal do Araguaia e Aragarças (GO), preveem que terão dificuldades para organizar o maior evento  turístico de meio de ano: a temporada de praia nos rios Araguaia e Garças, que banham as três cidades.

 

Segundo os gestores, o evento vai acontecer, no entanto, conforme a disponibilidade de recursos e sem a confirmação de shows nacionais, como sempre ocorre.

 

Responsável por atrair turistas de várias regiões do país, a temporada se concentra nas três cidades, com frequência diária nas praias Quarto Crescente, em Aragarças; Arara, em Pontal do Araguaia; e Bosque, em Barra. Além de agitação noturna no Complexo Salomé José Rodrigues, o Porto Baé.

 

A média de visitantes por final de semana chega a 20 mil pessoas, 80 mil durante o mês de julho, considerado o mês da alta temporada.

 

De acordo com os prefeitos, o principal entrave para que o evento possa ter a mesma estrutura de anos anteriores, é a crise financeira vivida pelos municípios, com reflexos negativos em todas as áreas.

 

Para suprir a escassez de recursos, as comissões organizadoras das temporadas buscam a parceria da iniciativa privada, que também já sentem os efeitos da crise e acenam com cortes de gastos.

 

Estrutura

Na praia Quarto Crescente, considerada a principal praia de água doce da região Centro Oeste, em Aragarças, na divisa de Goiás e Mato Grosso, para a pré-temporada, que costumava iniciar em 15 de junho,  a estrutura ainda está longe de ser montada.

 

Segundo o secretário de Turismo da cidade, Marcos Aurélio, o evento vai acontecer, porém, somente a partir do dia 27.

 

"Estamos buscando recursos. Os investimentos foram cortados em todos os níveis e vamos fazer aquilo que estiver ao nosso alcance com a participação da iniciativa privada", disse, informando que trabalha ao menos dois shows nacionais, como ocorreu nos últimos dois anos com Henrique e Juliano; e Guilherme e Santiago.

Em Pontal do Araguaia, o coordenador da temporada, Carlos Souza ressalta que a estrutura já está sendo montada na praia da Arara, mas não há confirmação de grandes eventos por falta de recursos.

 

"Todas as prefeituras enfrentam dificuldades e vamos promover um evento modesto, mas com organização. Gostaríamos de trazer shows com grandes nomes da música brasileira, mas hoje não podemos prometer nada", diz.

 

Já em Barra do Garças, cidade que concentra o público no período de agitação noturna, o secretário de Comunicação da Prefeitura, Vander Lima, diz que a secretaria de Turismo trabalha uma programação para ser apresentada nos próximos dias, mas sem grandes investimentos. "Vamos trabalhar conforme o que temos para não criarmos falsas expectativas", disse.

 

Turistas

Mesmo com a crise, as prefeituras acreditam que as três cidades devem receber cerca de 60 mil turistas entre os dias 27 de junho a 2 de agosto, durante a temporada 2015.

 

 

 
De Barra do Garças

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário