08/10/2014 - Bezerra atribui a derrota de Lúdio às traições políticas e falta de recursos

O deputado federal reeleito para exercer o quarto mandato, Carlos Bezerra (PMDB), afirma que traição e falta de recursos financeiros foram fundamentais para a derrota do candidato ao Governo Lúdio Cabral (PT). Para o presidente estadual do PMDB, forças expressivas do Estado preferiram apoiar o adversário Pedro Taques (PDT). “O Lúdio ficou à míngua. Houve muita traição, mas prefiro não citar nomes”, ressalta em visita ao Grupo Rdnews – veja aqui.

 

Além disso, Bezerra explica que o PT nacional não cumpriu o acordo de enviar recursos. O peemedebista também disse que o grupo de Taques “bloqueou” de todas as formas, a possibilidade do grupo situacionista conseguir ajuda financeira para a campanha do petista.

Para exemplificar a situação, Bezerra lembra da escolha do empresário de Lucas de Rio Verde, Rogério Ferrarin (PMDB), para compor como vice de Lúdio. Entretanto, na hora de assumir a candidatura, acabou recuando da idéia. O deputado argumenta que o grupo de Taques em Lucas do Rio Verde, onde tinha o prefeito do município Otaviano Pivetta (PDT) como homem forte da campanha do pedetista, fez com que Ferrarin desistisse da ideia.

 

Com isso, em seu lugar, a esposa do deputado Bezerra, Teté Bezerra (PMDB), assumiu o posto, mesmo sofrendo resistências de lideranças do próprio partido. “Eles não permitiram qualquer fortalecimento financeiro e político de Lúdio”, explica.

 

A vitória nas urnas de Taques foi sacramentada no último domingo (5), quando o pedetista conseguiu 57,25% dos votos válidos, mais de 833,7 mil mato-grossenses, contra 32,45% de Lúdio, o que contabiliza 472,5 mil eleitores. Diante disso, Bezerra afirma que pretende ter uma relação amistosa com o governador eleito, uma vez que ambos trabalharão em benefício ao Estado. “Ainda não conversei com ele (Taques), mas vamos dialogar até porque somos homens e temos responsabilidades públicas”, amenizou.

 

 

Tarso Nunes

 

Comentários

Data: 08/10/2014

De: Lara

Assunto: Loralina

Bezerra é um berne que come a carne do Estado e bebe o sangue do povo.

Data: 08/10/2014

De: Indio Tupiniquim

Assunto: BOA


Tanto dinheiro desviado das abras da copa não eram pra campanha dos perdidos kkkk

vai dizer que roubaram o dinheiro da campanha kkkkkkkk, eta turma danada

Novo comentário