09/05/2013 - Corregedoria apura denúncia de suposto tráfico de influencia em delegacias de MT

 

O corregedor-geral da Polícia Civil, Gilmar Dias Carneiro, está em Barra do Garças onde deve apurar a denúncia de um esquema de tráfico de influência que estaria ocorrendo nas delegacias da cidade. O delegado chegou no município na fim da tarde de segunda-feira (6) e não quis confirmar à imprensa o real motivo da visita.

O assunto veio à tona após entrevista bombástica do delegado Heródoto Fontenelle ao Olhar Direto, dia 30 de abril, que acusou o delegado regional Pedro Marcos Manzan de não coibir a intromissão de um bacharel em direito nas delegacias.

Fontenelle fez até um procedimento onde diz que o bacharel em direito Jorge Humberto Nogueira Reis estaria tendo acesso a delegacias e até mesmo manuseando inquéritos policiais. Jorge, por sua vez, nega essa intromissão ou tráfico de influência cometido por ele nas delegacias de Barra.

A briga entre os delegados estourou semana passada com a decisão de transferência de Fontenelle da especializada de Roubos e Furtos (Derf) para a distrital do bairro São José.

Fontenelle se diz perseguido por Manzan, principalmente depois que denunciou o tráfico de influencia junto a corregedoria da Polícia Civil e ao Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público Estadual (MPE).

Em entrevista ao Olhar Direto, Jorge reclamou que está pagando um preço muito grande por ser citado nessa briga. Ele conta que não tem nada a ver com esse episódio. “Essa pendenga entre eles não tem nada a ver comigo”, ressalta.

Sobre sua atuação, o bacharel em direito explica que uma procuração do escritório de advocacia e como qualquer cidadão pode entrar nas delegacias. O delegado Manzan por duas vezes desmarcou uma entrevista coletiva que iria falar sobre esse caso e anunciou seu substituto que será Adilson Gonçalves na delegacia regional.

A municipal passa a ser dirigida pelo delegado Delson Lopes, que já enfrentou um processo de expulsão na Polícia Civil por peculato e conseguiu provar a inocência e está de volta a atividade. A Derf passa a ser comanda por Wiliney Santana. Um terceiro delegado, Marcos, ficará com a incumbência de cuidar das delegacias de Torixoréu e Araguaiana. 

 

Olhar Direto

COMENTÁRIOS

Data: 09/05/2013

De: Povo

Assunto: Barra

olha os bandido que se cuida, o Dr Williney não da molé para bandido no Baixo Araguaia fez um belissimo trabalhou na quela região e concerteza vai faz na Barra do graças e homem de luta ..... é Guerreiro

Novo comentário