09/10/2015 - Janaína ingressa com pedido para saída do PSD

A defesa da deputada estadual Janaína Riva dos ingressou ontem (6) com o pedido de desfiliação dela do PSD no Tribunal Regional Regional (TRE). No documento, os advogados sustentam que ela troque de partido sem a perda do mandato pelo fato da legenda ter saído da oposição ao governo estadual para a base de sustentação na Assembleia Legislativa.


O fato do PSD ter saído da oposição se concretizou com a migração do vice-governador Carlos Fávaro para o comando da sigla. “Vamos levar o PSB para a base de Taques”, disse Fávaro na oportunidade da filiação.


Janaína alega que foi eleita com o respaldo de ser oposicionista dos seus eleitores e considera “imcompatibilidade de pensamentos” o fator relevante para sua saída. “Como eu poderei ficar em um partido onde se apoia nosso maior adversário, o governador?”, questionou a deputada.


A permanência ou não na agremiação começou na mesma época em que a parlamentar recebeu o convite para ingressar no PMDB. O fato gerou insegurança nos integrantes do PSD, que “apostavam” em sua liderança em substituição ao seu pai, ex-deputado José Riva. O ex-deputado teve sua imagem de líder do PSD desgastada, após enfrentar vários processos judiciais e de ter saído do cenário político no final de 2014.


O caso levou vários filiados ao PSD ameaçarem sair da legenda. Face ao esvaziamento, Janaína chegou a afirmar que tinha a anuência do presidente nacional do partido Gilberto Kassab para deixar a legenda sem perder o mandato. 

 

 

 

 

Francisco Borges / Redação 24 Horas News

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário