10/02/2016 - Pedro Taques vai ao Oriente Médio vender potencialidades de Mato Grosso e estreitar contatos para o agronegócio

10/02/2016 - Pedro Taques vai ao Oriente Médio vender potencialidades de Mato Grosso e estreitar contatos para o agronegócio

A necessidade de atrair investidores, principalmente para a indústria, e o estreitamento comercial do agronegócio com o Oriente Médio, vai levar o governador José Pedro Taques (PSDB) e comitiva a passar quase uma semana em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. Mato Grosso está entre os principais convidados para o Fórum Global para Inovações na Agricultura, de 14 a 19 deste mês.
 
O evento deve reunir 70% do PIB mundial da agropecuária e agroindústria, inclusive da Europa e Estados Unidos. Mato Grosso exporta quase 90% dos seus grãos e carne para a Ásia, Europa e EUA, mas o Oriente Médio – com mais de um bilhão de cristãos e muçulmanos – ainda é uma região pouco explorada.

Na ausência de Taques, novamente assume o comando do Palácio Paiaguás o vice-governador Carlos Fávaro.  É a quarta vez em pouco mais de um ano que Fávaro assume as rédeas do Estado – antes, foi quando o titular esteve em Washington e Nova Iorque (EUA), Madri (França) e Conferência do Clima (COP 21), em Paris (França), além das férias em Lisboa e Coimbra (Portugal).
 
A reportagem do Olhar Direto apurou que a viagem de Pedro Taques foi autorizada pela Assembleia Legislativa e publicada na edição eletrônica do dia 28 de janeiro do Diário Oficial do Estado.
 
No Fórum Global para Inovações na Agricultura, Pedro Taques e comitiva  vão priorizar conversas para trazer investimentos a Mato Grosso. Ele já fez isso em  Wasginton, Nova Iorque, Madri e Paris. Ele sabe que é essencial bem divulgar o Estado para trair novos empreendimentos em setores estratégicos.
 
A Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec), sob o comando de Seneri Paludo, é responsável por gerenciar os trabalhos de planejamento, articulação e de execução política econômica traçada pelo governo Pedro Taques. E reconhece que Oriente Médio é mercado que apresenta um diferencial de demanda em relação aos maiores compradores, que têm a maior procura por soja e milho. De janeiro a novembro de 2015, as exportações para o Oriente Médio aumentaram 24% em relação a igual período de 2014, conforme dados do MDIC/Fiemt.
  
Os destaques foram para as vendas destinadas aos Emirados Árabes Unidos, que apresentou crescimento de 140% com uma demanda diferenciada na pauta de produtos como feijão, algodão em caroço e carne.
 
No evento, o Governo apresentará ao público participante o vídeo que mostra o potencial de Mato Grosso, seguido pelo discurso de Taques. No segundo dia do evento, a apresentação será feita por Seneri Paludo.
Ainda na programação constam encontros com fundos de investimentos e empresários.
 
Também estão agendadas reuniões com a Câmara de Comércio de Abu Dhabi e Internacional Emirados Árabes Unidos, visita à planta da BRF e ao escritório da Apex Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos).

Além de Seneri Paludo, Pedro Taques leva em sua secretário Jean Campos do Gabinete de Comunicação; a diretora Fabiana Guerreiro Frulan Ballarotti, da Agência de Fomento do Estado (MT Fomento); e a assessora Rita 
Chiletto,   de Assuntos Internacionais. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Da Redação - Ronaldo Pacheco

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário