10/04/2012 Documentário sobre O Giro do Divino atrai público em São Félix do Araguaia

10/04/2012  Documentário sobre O Giro do Divino atrai público em São Félix do Araguaia

O documentário do Giro do Divino Espírito Santo estreou dia 07 de abril Câmara Municipal de São Felix do Araguaia – MT, produção de Maira Ribeiro e Alexandre Lemos. Com o apoio a Cultura do Conselho Estadual de Cultura de Mato Grosso (PROAC/2011). Contou com a  presença da companhia do giro e do diretor, que contarão um pouco sobre o documentário e a manifestação. Com entrada gratuita. No dia 14 de abril, o documentário será lançado em Cuiabá, no Sesc Arsenal e contará com a presença dos diretores e de foliões.


O Giro do Divino Espírito Santo é uma rica expressão da religiosidade popular brasileira, e tem como base a partilha, a igualdade e a vivência comunitária. O documentário acompanha a divindade de Seu Antônio Ribeiro de São Felix do Araguaia, em Mato Grosso. Os foliões contam e cantam sua devoção, que mantém viva uma das mais antigas tradições brasileiras com sua fé e sabedoria.


O documentário, de 29 minutos, acompanha os foliões e devotos no giro que faz todo ano no período de Pentecostes, levando a benção do Divino Espírito Santo a casas e pessoas. O giro dura oito dias, recolhendo doações e esmolas, finalizando com uma grande festa realizada com a ajuda de todos.


O Giro do Divino Espírito Santo é uma rica expressão da religiosidade popular brasileira, e tem como base a partilha, a igualdade e a vivência comunitária. Este documentário acompanha a divindade de Seu Antônio Ribeiro de São Felix do Araguaia, em Mato Grosso. Os foliões nos contam e cantam sua devoção, que mantém viva uma das mais antigas tradições brasileiras com sua fé e sabedoria.


Em São Felix do Araguaia, existem giros, folias e rezas das mais diversas, ao longo do ano. Esta documentada é do imperador Antônio Ribeiro Arruda, e acontece todo ano no período de Pentecostes, que pode cair em maio ou junho. Este giro veio para Mato Grosso há cerca de sessenta anos quando a família de Seu Antônio, que já realizava o festejo em Goiás, se mudou para o estado.


Após o documentário foram distribuídos DVDs. O objetivo deste projeto da realização do documentário sem fins lucrativos será para registrar e divulgar esta manifestação popular de religiosidade. A divulgação feita tanto no âmbito local, estadual e nacional, localizando a manifestação dentro do mapa cultural brasileiro distribuindo entre foliões, na comunidade e nas escolas de São Felix do Araguaia e região.



Vanessa Lima/O Repórter do Araguaia


 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário