10/11/2012 - Polícia Civil desarticula quadrilha que levou malote de lotérica no interior

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Barra do Garças (DERF), apresentou nesta sexta-feira (9), seis pessoas que integravam uma quadrilha acusada de envolvimento no roubo de um malote de uma casa lotérica de Pontal do Araguaia. O assalto foi praticado no dia 22 de outubro, por volta das 14 horas, na Avenida Universitária, no centro da cidade.

Dois assaltantes pilotando uma motocicleta renderam o funcionário da lotérica e levaram o malote contendo R$ 20 mil reais. O dinheiro estava sendo levado para à agência da Caixa Econômica Federal (CEF), quando o funcionário foi interceptado e obrigado a entregar o malote sob a mira de uma arma de fogo. Os ladrões estavam encapuzados e fugiram em uma motocicleta de cor preta sentido a Torixoréu.

Depois de 18 dias de investigações, a equipe de investigadores, chefiada pelo delegado Heródoto Fontinelli, conseguiu identificar a quadrilha e prender os seis envolvidos no assalto. O bando, segundo entrevista do delegado, era chefiado por Moacir Santana, que controlava os demais os comparsas para praticar delitos a troco de porções de drogas.

“Ainda estamos investigando a participação em outros assaltos. Mas, as evidências comprovam a participação de todos no assalto em Pontal do Araguaia”, disse Heródoto Fontinelli, que já requisitou a prisão preventiva dos seis acusados. Ainda de acordo com o delegado, a prática do assalto está ligada diretamente ao tráfico de drogas.

A DERF está investigando também o paradeiro do dinheiro levado no assalto, apesar das suspeitas apontarem que a soma teria sido investido na aquisição de drogas para uso dos acusados.

 

De Barra do Garças, Francis Amorim