11/02/2013 - Papa Bento XVI anuncia sua renúncia ao Pontificado

Roma, 11 fev (EFE).- O papa Bento XVI anunciou hoje que deixará o Pontificado no próximo dia 28 de fevereiro devido à sua 'idade avançada ' e por sentir que lhe falta o vigor para seguir no cargo.

 

O papa, de 85 anos, fez o anúncio durante um consistório que foi celebrado no Vaticano para fixar as datas nas quais serão proclamados novos santos.

 

Explicou ao cardeais presentes em latim que tinha convocado este consistório: 'não só para as três causas de canonização, mas também para comunicar-vos uma decisão de grande importância para a vida da Igreja'.

 

O papa afirmou que 'após ter examinado perante Deus reiteradamente minha consciência, cheguei à certeza que, pela idade avançada, já não tenho forças para exercer adequadamente o Ministério petrino'.

 

Bento XVI, de 85 anos, acrescentou que é muito consciente que este Ministério, pela sua natureza espiritual, 'deve ser realizado não unicamente com obras e palavras, mas também, e em não menor grau, sofrendo e rezando'.

 

O Bispo de Roma considerou que no mundo de hoje, sujeito a rápidas transformações e sacudido por questões de grande relevo para a vida da fé, (...) é necessário o vigor tanto do corpo como do espírito.

 

E então destacou que nos últimos meses este vigor diminuiu 'de tal forma como eis de reconhecer minha incapacidade para exercer bem o Ministério que me foi encomendado'.

 

Perante isso anunciou que 'muito consciente da seriedade deste ato e com plena liberdade', renunciava ao Ministério de Bispo de Roma, Sucessor de São Pedro.

 

O pontífice indicou aos cardeais a necessidade de realizar dia 28 de fevereiro um Conclave para escolher o seu sucessor.

 

O papa foi eleito o 19 de abril de 2005.

 

Copyright (c) Agencia EFE, S.A. 2010, todos os direitos reservados

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário