11/03/2015 - Ex-zagueiro do Barra passa por momento difícil por causa de bactéria rara

11/03/2015 - Ex-zagueiro do Barra passa por momento difícil por causa de bactéria rara

O ex-zagueiro do Barra do Garças Futebol Clube Cristiano Milhomem, que já foi duas vezes vice-campeão mato-grossense, está internado com problema de saúde e está rapidamente perdendo peso provavelmente causado por alguma bactéria rara que lhe provocou uma infecção. A família acredita que pode ter sido algum alimento que Cristiano comeu e lhe causou esse problema.

O quadro clínico do ex-jogador foi revelado como preocupante pelo irmão Newton Milhomem que informou que ele está internado. O ex-zagueiro já perdeu mais de vinte quilos e os médicos não conseguiram descobrir o que realmente ele tem. Já foram várias internações nos últimos quatro meses. 

E por iniciativa do ex-jogador Esquerdinha, que apresenta o programa Jogo Aberto Regional na Tv Serra Azul, vários desportistas estão se mobilizando para ajudar Milhomem. "Vamos fazer uma campanha pra ele”, completou.

Ex-zagueiro foi vice-campeão de MT pelo Barra em 2003 e 2006 e ultimamente atua como professor de escolinha de futebol na região.

Milhomem entrou para história do futebol de MT como único zagueiro a jogar por doze anos no mesmo time sem levar nenhum cartão vermelho: de 1995 a 2008 pelo Barra é claro. Ele também jogou na equipe do Viceu de Benfica na Terceira Divisão de Portugal e residiu na França. 


Cristiano Milhomem faz parte de um ciclo de craques revelados em Barra do Garças principalmente nas décadas de 80 e 90, jogadores como os meias Duda, Nana e Pretinho, os zagueiros Jackson, Cabral, Jairo e Charrer; atacantes Dão, Dualcy, Ludemar (Nenenzinho), Coelho, Tatau, Novinho e Clóvis. 

 

Ronaldo Couto

Comentários

Data: 13/03/2015

De: Helio Pankararu

Assunto: Ex Zagueiro Passa Momento dificil

Sugestão:

Estive com um problema deste tipo, perdia peso e febre fui atendido pelo hospital de doenças tropicais de Araguaína - TO e fiquei bom.
Tentem contato talvez descubram tipo da doença.

Novo comentário