11/07/2012 - "Gripe Suina" avança em Mato Grosso; há três mortes sob investigação

 

A “gripe suína” continua avançando em Mato Grosso. A Secretaria de Estado de Saúde confirmou que já foram notificados 24 casos de Influenza H1N1, dos quais 14 casos foram confirmados e dez estão sob investigação. Também foram registrados dois óbitos - um no município de Cuiabá e o outro no município de Campo Verde. Há ainda três casos de mortes que estão son investigação. A gerente da Vigilância Epidemiológica do Estado, Valéria Cristina da Silva, disse que as ocorrências estão dentro do esperado e descarta surto ou epidemia da doença no Estado.
 
Os municípios que apresentaram confirmação dos casos são Cuiabá, com 5 casos; Campo Novo dos Parecis, 4;  Campo Verde, 1; e Rondonópolis, 1. Os municípios que possuem casos sob investigação são Rondonópolis, 7,  sendo dois óbito; Sorriso, 1, Pedra Preta, 1;  e Paranatinga, 1. O caso de Paranatinga sob investigação evoluiu para óbito.
 
A Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório, de elevada transmissibilidade, que ocorre por meio de secreção das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos. 
 
Os sintomas são semelhantes aos do resfriado, que se caracterizam pelo comprometimento das vias aéreas superiores: tosse, rouquidão, congestão nasal, febre, mal estar, mialgia, cefaleia.
 
O tratamento antiviral é importante no manejo clínico da gripe para melhoria do quadro e quebra na cadeia de transmissão, uma vez que após o uso de antiviral o individuo deixa de transmitir o vírus. 
 
O controle da Influenza requer uma vigilância qualificada, somada as ações de imunização anuais, direcionadas aos grupos considerados de maior vulnerabilidade: idosos, crianças, povos indígenas, trabalhadores de saúde, gestantes e população prisional.
 
A principal intervenção preventiva em saúde pública é a vacinação, que contribui para prevenção da gripe, além de apresentar impacto de redução das internações hospitalares, mortalidade evitável e gastos com medicamentos para tratamento de infecções secundárias. A vacina é Trivalente, previne contra três tipos de vírus de Influenza H3N2, H1N1, Influenza B.
 
Redação 24 Horas News

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário