11/11/2014 - Ex-galã da Globo trabalha na rua e diz sentir falta da TV

Durante reportagem do "Domingo Show", da Record, Eduardo Tornaghi disse sentir falta da televisão, mas não falou sobre a pretensão em voltar. O ator ganhou fama de galã em novelas da Globo nas décadas de 70 e 80.

"Ah, sinto muita falta. TV é uma droga: dá síndrome de abstinência", contou Tornaghi, sob gargalhadas. "Não me achava bonito. Eu achava que tinha um rosto meio feminino. Os olhos azuis foram o meu ganha pão", acrescentou.

O ator explicou que, após ter destratado algumas fãs que lhe pediam um autógrafo, achou que seria o momento de parar e repensar o futuro. Ele recusou um contrato da Globo, desistiu da carreira de galã e viajou pelo Brasil exercendo a função de militante social. "Teve uma hora que eu percebi que, quem tem tudo, não tem nada", advertiu.

"A minha saída da televisão é porque a gente busca realização na vida. A felicidade da gente não está em nada fora, está no lado de dentro da gente. É muito legal ser famoso, trabalhar na televisão, mas o preço acaba sendo muito caro", avaliou o veterano.

Atualmente, Tornaghi trabalha levando arte, por meio de poesias, a um palco que é montado ao ar livre nas ruas do Rio de Janeiro. "[As pessoas me] reconhecem. Quando reconhecem, apenas demonstra que eu fui um artista de verdade", afirmou.

Luiza Tomé, que foi namorada de Tornaghi, falou ao programa sobre a relação entre os dois. "Eu o conheci em uma gravação no comecinho da minha carreira. Um dia me chamaram para fazer uma cena com esse rapaz. Eu o achava muito lindo. Me disseram 'você vai fazer a namorada dele'. Eu confesso que ali me senti perdidamente apaixonada por ele, como homem. Ele foi um grande amor da minha vida", se derreteu.

"Namoramos 7 anos. Fui muito feliz [ao lado dele], mas terminamos porque o tempo nos transforma. Estávamos em movimentos diferentes", confessou a atriz.

O ex-galã participou de 15 filmes e 22 novelas, dentre elas, "A Gata Comeu" e "Dancin'Days". Tornaghi ficou afastado da TV por quase duas décadas e voltou em uma participação na série "Carga Pesada", em 2006, na Globo, e na novela "Uma Rosa com Amor", do SBT, em 2010.

 

 

Do UOL em São Paulo

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário