12/05/2014 - Professor indígena é atacado por Queixada

O professor indígena Xavante Sócrates Tserehité de 29 anos, foi atacado por um Queixada conhecido também como Porcão.

O incidente aconteceu nesta quinta-feira 08 de maio na Aldeia Cachoeira na Terra Indígena Areões no município de Nova Nazaré quando as lideranças indígenas estavam em reunião em prol da construção da CASAI em Água Boa.

O bicho do mato muito temido devido a seus ataques durante as caçadas era criado desde novinho na aldeia e estranhou o professor que reside em outra comunidade Aldeia Pedra Branca.

O bicho correu atrás do professor e deu uma mordida certeira na panturrilha da perna esquerda causando um grande ferimento.

Socrátes foi atendido pela equipe do posto de saúde local na aldeia e posteriormente encaminhado para o Hospital Regional de Água Boa em uma viatura da Sesai, onde permanece internado e espera ter alta nesta segunda.

 

 

 

 

 

 

 

Escrito por Kassu

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário