12/07/2013 - PF flagra 420 kg de cocaína em terra indígena Marãiwatsédé

Agentes detectaram aeronave sobrevoando região e encontraram a droga.
Entorpecente estava embalado em sacolas plásticas e ninguém foi preso.
 

Pelo menos 420 quilos de cocaína foram apreendidos pela Polícia Federal, na terra indígena de Marãiwatsédé, região nordeste de Mato Grosso, no município de São Félix do Araguaia,  a 1.159 km de Cuiabá. O entorpecente foi apreendido na quarta-feira (10), mas encaminhado pelos agentes somente nesta quinta (11) para a delegacia da PF, em Barra do Garças. 

A droga foi encontrada durante um patrulhamento dos agentes federais, que teriam avistado uma aeronave de pequeno porte sobrevoando a área. Na ocasião, os policiais seguiram em direção ao local, onde supostamente o avião poderia ter pousado e encontraram uma pista de pouso, ao redor da terra indígena, com rastros de que teria sido recém utilizada pela aeronave.

“No momento em que os policiais chegaram só foi possível constatar por rastros na pista que ela tinha recentemente utilizada, mas a aeronave já não se encontrava no local”, relatou o delegado federal de Barra do Garças, Marcelo Xavier. Os agentes realizaram diligências nas proximidades da pista e constataram que uma mata havia sido recentemente desmatada, abrindo uma clareira. No local, encontraram a droga embalada e distribuída em vários sacos plásticos amarrados com fitas.

Ninguém foi preso. O delegado Marcelo Xavier disse que vai investigar a origem do entorpecente e os envolvidos no crime.>>>

Desocupação
A terra indígena de Marãiwatsédé foi alvo de disputa entre União e posseiros, que questionavam a ocupação tradicional indígena da área, ao longo de 20 anos. Em 2012, a Justiça federal expediu mandado de desintrusão judicial, determinando a retirada de todos os não-índios que haviam formado uma verdadeira comunidade agrícola no local durante os anos de embate judicial.

Os produtores locais afirmavam compor uma população de até 7 mil pessoas e detinham um verdadeiro projeto de cidade para o local, um distrito com planos de loteamentos inclusive, sob o nome de “Estrela de Araguaia”. Quando da assinatura da ordem de desintrusão, foi necessário o trabalho em conjunto das polícias Rodoviária Federal, Federal e da Força Nacional de Segurança, com apoio logístico doExército, para retirar as famílias e destruir as construções.

Um princípio de confronto chegou a ocorrer, mas a decisão da Justiça acabou sendo cumprida em abril e a terra foi entregue novamente aos xavantes, que, devido à tensa convivência com os não-índios, até então limitavam-se à área de uma aldeia a cerca de 20 km do Posto da Mata.

Uso de aviões

Avião com 413 kg de cocaína e pasta-base foi
interceptado no Pantanal. (Foto: Assessoria / PF)

A PF estima que uma tonelada e meia de droga tem entrado no pantanal, por meio de aviões de pequeno porte, a cada 15 dias. No último dia 3, uma denuncia levou a apreensão de 413 kg de cocaína e pasta base transportados em uma aeronave de origem boliviana. O flagrante ocorreu na área de reserva de um hotel, em Poconé, a 104 km de Cuiabá.

Apesar da atuação criminosa ocorrer em uma pista de pouso regular, de propriedade privada, a quadrilha contou com o auxílio de um funcionário do hotel, responsável pela manutenção da reserva natural. Conforme a PF, a quadrilha cooptou o funcionário para dar apoio logístico  pelo fato de se tratar de uma pista de pouso a 30 km da sede administrativa da empresa e quase sem movimentação. Nessa ação, dois suspeitos foram mortos ao confrontar-se com agentes da PF. O delegado informou que tratam-se do copiloto da aeronave, de origem boliviana, e de um suspeito, brasileiro, que aguardava na pista para efetuar o pagamento.

 

Escrito por Kelly Martins / G1 MT 

 

COMENTÁRIOS

Data: 13/07/2013

De: olho vivo

Assunto: indio

esta parada e do índio ta na fita o indio

Data: 13/07/2013

De: Povo

Assunto: Tete

A diferenca é que se tivesse brancos na região eles já teria, consumido tudo.

Data: 15/07/2013

De: resposta

Assunto: Re:Tete

vale lembrar que infelizmente as drogas ja circulam nas aldeis.......... porque so culpar as brancos indios hoje em dia vivem como branco e ainda bem melhor...........

Data: 17/07/2013

De: DR Karlos

Assunto: Re:Tete

os indios hj consomem mais drogas que os brancos e sao traficantes natos nao apenas de drogas e tambem de animais, plantas, predas preciosas e ouro pois a lei nao existe para so indios.

Data: 12/07/2013

De: ESPERTO

Assunto: INIDOS

ESSA PARADA E DOS INDIOS...

Data: 12/07/2013

De: ROGÉRIO

Assunto: TRAFICO EM TERRAS INDÍGENAS

Esse é o País do PT, dar milhões de hac. de terras aos índios, para nada, e ao mesmo tempo, abrindo caminho para o trafico de drogas nessas regiões inóspitas e desabrigadas. Me lembro que ali tinha 618 pequenas propriedades, e agora, esta tudo abandonado.
Eta Brasilzinho do PT...

Novo comentário