12/08/2015 - Mulher sofre abuso sexual ao dormir no corredor do Pronto-Socorro

Uma mulher de 25 anos sofreu abuso sexual dentro do Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC), na madrugada desta terça-feira (11). O suspeito Carlos Eduardo Fortes da Silva, 47, foi preso em flagrante pelo crime. O caso ocorreu por volta das 5h, quando a vítima dormia. Ele tem histórico de abuso.

A jovem relatou que acompanhava o marido, que está internado no corredor da unidade pública de saúde, quando devido ao cansaço, adormeceu. O suspeito passou por ela e a beijou na boca, colocando totalmente a língua.

Assustada, a mulher gritou e viu o suspeito que corria pelo corredor. Um segurança do hospital conseguiu detê-lo. O homem usava uniforme de funcionário, mas foi constatado que ele não fazia parte do quadro de funcionários da unidade.

Os policiais acreditam que o suspeito tenha entrado clandestinamente no hospital. Ele foi levado para a Central de Flagrantes e pode ser autuado por estupro de vulnerável.

Outro lado - A assessoria do Pronto-Socorro informou que o homem se aproveitou do momento que familiares de uma paciente que havia morrido entraram, para entrar junto. Para evitar que isso ocorra, a diretoria do hospital trabalha na reorganização de fluxo de pessoas, que passarão a utilizar crachá, como meio de identificação. A vítima receberá acompanhamento psicológico. Ela passou por exame de corpo delito no Instituto Médico Legal (IML).

 

Izabel Barrizon, repórter do GD

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário