12/11/2015 - Reunião de conciliação termina sem avanços

“Não mudou nada”, foi a declaração dada pela presidente do Sindicato dos Servidores do Detran-MT (Sinetran-MT), Daiane Renner, após a reunião de conciliação entre a entidade e o governo do Estado na t tarde desta quarta-feira (11).

O encontro foi realizado no núcleo de conciliação do Tribunal de Justiça. O Sinetran irá decidir em assembleia geral com a categoria na próxima quinta-feira (12) se continua ou não com a mobilização.

“O que estamos reivindicando visa melhorar o atendimento à população, com a nomeação dos aprovados e garantia de segurança em todas as unidades do Detran”.

Na segunda-feira (9) a Justiça dobrou para R$ 200 mil o valor da multa imposta ao sindicato por descumprimento da ordem de encerramento da greve. A decisão foi tomada pelo desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha.

A categoria está paralisada desde o dia 26 de outubro cobrando a nomeação dos aprovados no concurso.Na última sexta-feira (6) o governo anunciou o corte de pontos dos servidores que estiverem ausentes dos postos de trabalhos durante a greve.

O Sinetran reivindica a nomeação de 70% dos aprovados ainda em 2015 e o restante em junho de 2016. Já o Estado propõe a convocação de 30 aprovados neste ano, nomeação de outros 100 aprovados até o dia 30 de setembro de 2016. Em 2017, seriam convocados mais 160 aprovados e, em 2018, os 199 restantes.

 

 

Jéssica Moreira, repórter do GD

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário