13/02/2016 - Mais de doze mil quelônios são devolvidos ao Rio Araguaia

13/02/2016 - Mais de doze mil quelônios são devolvidos ao Rio Araguaia

Em 2015, mais de 12 mil quelônios foram devolvidos ao Rio Araguaia  graças ao trabalho desenvolvido pelo DNIT em parceria com a Colônia de Pescadores Z-22 de Santa Terezinha, no Mato Grosso.

A ação foi fruto do “Projeto Quelônios do Araguaia”, criado em 2011 com o objetivo de preservar espécies de tartarugas da Amazônia, devido a excessiva exploração dos estoques naturais destas espécies. Desde então, foram monitorados e devolvidos para o Rio Araguaia 3.800 filhotes de tartarugas em 2011 e 6.500 em 2012. Em 2013 não houve campanha do Projeto Quelônios.

Em 2014 o DNIT passou a participar das atividades do projeto, através da Gestão Ambiental da BR-158/MT, e o número de tartarugas devolvidas ao rio chegou a 11.285. No ano passado, com o manejo de três praias no Rio Araguaia, entre o trecho de Santa Terezinha e a divisa do Estado do Mato Grosso, esse número aumentou para mais de 12.000 quelônios, entre eles a tartaruga-da-amazônia (Podocnemis expansa) e o Tracajá (Podocnemis unifilis).

As técnicas utilizadas nas ações permitem um aumento na taxa de sobrevivência dos indivíduos, o que contribui para a conservação da biodiversidade. Neste ano, a meta é monitorar e reintroduzir na natureza mais de 15.000 filhotes da espécie da tartaruga-da-amazônia.

 

 

Agua Boa News

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário