13/10/2016 - Mato Grosso produzirá 10,8% a mais na próxima safra de algodão

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) estimou em 10,8% o aumento na produção de algodão no Estado, na safra 2016/17. Segundo o relatório, divulgado ontem, serão 2,4 milhões de toneladas de algodão em caroço e 985,6 mil toneladas de pluma. O instituto destaca que a primeira projeção otimista é baseada no “sentimento inicial dos produtores e do mercado”.

Inicialmente a expectativa para a área semeada com a cultura é de 600 mil hectares, 83,4 mil hectares em primeira safra e 516,6 mil hectares em segunda safra, o que representa uma retração de 2% em relação à safra 2015/16. “Cabe ressaltar, que se avaliarmos cada período separadamente, pode-se observar que novamente haverá uma redução na área de primeira safra, redução que está projetada na ordem de 14,2%, se comparada à safra 15/16”, analisam os economistas.

O Imea ressaltou ainda que neste primeiro levantamento, os dados de produtividade foram previstos com base no sentimento dos produtores para a safra, na tecnologia a ser empregada e no bom andamento da semeadura da soja, “que se encontra num ritmo acelerado e que por sua vez, poderá acabar beneficiando a semeadura do algodão segunda safra”. Assim, a produtividade média esperada foi estimada em 269,8@/hectares de algodão em caroço para o Estado.

 

 

Redação 24 Horas News

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário