13/11/2014 - Taques aprofunda análise das pastas de Silval e estende prazo de reuniões

O governador eleito Pedro Taques (PDT) resolveu estender até o próximo domingo (16) as reuniões com a equipe de transição acerca do “raio x” do governo Estadual. O pedetista deve aprofundar as análises nas autarquias e superintendências da atual administração pública. Dentre os assuntos mais espinhosos, Taques pretende se debruçar acerca das obras da Copa, Casa Civil, Ager e o MT Prev.

 

Ontem, por exemplo, o pedetista se reuniu com técnicos do governo Silval Barbosa (PMDB), bem como da Comissão de Cultura, que fizeram uma apresentação da pasta sobre a funcionalidade e orçamento. Durante o encontro, o governador eleito ainda não demonstrou qual será a sua decisão, uma vez que, de acordo com a estrutura elaborada pela equipe técnica, sob o prefeito licenciado de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT), as pastas de Cultura e Turismo devem ter status de superintendências, sendo alojadas dentro da secretaria de Cidades e Desenvolvimento Regional.

 

Diante disso, Taques tem tomado cuidado antes de decidir a real estrutura administrativa. O pedetista já conversou com setores ligados à cultura e turismo, contrários à fusão. A recomendação do Ministério da Cultura é que todos os Estados tenham sua própria secretaria.

 

As reuniões com a equipe de transição tiveram início na última quinta (6). A intenção, inicialmente, era de findar os trabalhos até ontem (11), contudo, Taques resolveu ampliar os trabalhos. Nos encontros, o pedetista conta com a contribuição das equipes de transição, sua e do governo atual, além do vice-governador eleito Carlos Fávaro (PP).

 

Na semana passada, Taques esteve reunido com Pivetta para apreciar indicadores dos relatórios apresentados pelas secretarias estaduais de Planejamento (Seplan) e de Meio Ambiente (Sema). Na ocasião, recebeu os dados relativos às secretarias e analisou a fim de ampliar o debate em torno da possível extinção e/ou fusão de secretarias.

 

 

Tarso Nunes e Patrícia Sanches

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário