14/02/2015 - Queda de torre deixa 15 municípios de Mato Grosso sem energia elétrica

Segundo concessionária, incidente pode ter ocasionado por vandalismo. Torre ficava entre os municípios de Canarana e Querência.

 

A queda de uma torre de linha de alta tensão afeta, desde a noite de sexta-feira (13), 15 municípios de Mato Grosso, deixando aproximadamente 47 mil unidades consumidoras sem energia elétrica. Conforme a Cemat, concessionária de energia do estado, o incidente pode ter sido ocasionado por vandalismo. A torre ficava entre Canarana e Querência, respectivamente a 838 km e 912 km de Cuiabá. Uma nova torre deverá ser instalada ainda neste sábado (14). A previsão é que os trabalhos sejam finalizados até o início da noite.

 

As cidades afetadas foram Querência, Alto Boa Vista, Ribeirão Cascalheira, Serra Nova Dourada, Novo Santo Antônio, Santa Cruz do Xingu, São José do Xingu, Confresa, Vila Rica, Bom Jesus do Araguaia, Luciara, São Félix do Araguaia, Canabrava do Norte, Santa Terezinha, Porto Alegre do Norte e regiões rurais.

A energia elétrica acabou às 23h42 e inicialmente o mau tempo foi apontado como a causa. Mas, segundo a Cemat, a torre foi danificada e derrubada. A concessionária disse que ao longo da semana ferragens da estrutura de torres próximas haviam sido furtadas – a retirada desses equipamentos compromete a estabilidade da torre e, consequentemente, da linha que distribui energia em alta tensão para a região. Um boletim de ocorrência foi registrado sobre o caso.

 

Do G1 MT

Comentários

Data: 15/02/2015

De: Rogério

Assunto: torre podre

É a segunda vez em quinze dias. Até as torres de energia deste governo são uma merda.
para encobrir os produtos de baixa qualidade agora colocacam culpa em vandalismo. ....tão de sacanagem. ....

Data: 15/02/2015

De: Mari

Assunto: Re:torre podre

Concordo com sua opinião.
É mais fácil por a culpa nos outros...quem sabe quantos apagões desses vamos ter que engolir?!

Novo comentário