14/06/2011 - 08h:10 O encanto bucólico das praias do Rio Araguaia

Três ecossistemas muito particulares se encontram em São Félix. E é dessa mescla de Floresta Amazônica, Cerrado e Pantanal que surge a encantadora variedade de verdes que domina as margens do Araguaia em qualquer época do ano. Mas a região também tem algo muito único, especial: as chamadas praias de rio, formadas graças ao fenômeno da vazante.

Quando o Araguaia começa a baixar, em maio, os moradores festejam. Afinal, é hora de receber turistas. Eles chegam interessados em se divertir nas praias de rio - e não em apenas pescar, como os visitantes costumeiros da região.

Por sorte, o período de seca coincide com as férias escolares e famílias inteiras escolhem São Félix como destino. Música mato-grossense e barraquinhas tomam as margens do rio, modificando a rotina da pacata cidade em julho.

Gaivotas dão show a parte às margens do rio Araguaia.
Visual raro - Quis a natureza que as praias mais bonitas fossem também as mais escondidas, nos entremeios dos Rios Araguaia e das Mortes. Um capricho que você supera com 20 minutos de barco, num passeio sem chance de arrependimento.

A experiência de colocar os pés na areia fina dessas praias fica ainda mais interessante pela possibilidade de encontrar o que não poderia ser visto em zonas movimentadas, como ovinhos de gaivota camuflados no chão. É que a calmaria dessas ilhas oferece a segurança que os pássaros precisam para botar seus ovos. Se algum turista resolver assistir de camarote aos nascimento dos filhotes, as gaivotas começam a fazer uma ronda preventiva perto do ninho. Não tema: elas não chegam a atingir ninguém com seus rápidos vôos rasantes. (Bruna Fioreti/Agência Estado)
 

Comentários

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário